Governo de Pernambuco vai abrir concurso para cerca de 3 mil professores ~ Macaparana Hoje - Informação com agilidade!

AGORA NO BLOG...

quinta-feira, 15 de outubro de 2015

Governo de Pernambuco vai abrir concurso para cerca de 3 mil professores


 


Edital deve sair até o final de novembro. Pelo menos metade das vagas é para área de exatas


Ordens de serviço para reconstrução de 13 escolas foram assinadas na manhã desta quinta-feira (15)  / Foto: Edmar Melo /  JC Imagem

O governo de Pernambuco vai abrir concurso para professor ainda este ano. O edital deve ser lançado até o final de novembro, prevê o secretário estadual de Educação, Frederico Amâncio. Haverá cerca de 3 mil vagas. Pelo menos a metade será para docentes das áreas de exatas (matemática, física, química e biologia). Terá vaga também para professores da educação especial (libras e Braille, principalmente). Pernambuco tem um alto número de docentes com contratos temporários - cerca de 17 mil.


"Nosso desejo era realizar o concurso e contratar os docentes já para o ano letivo de 2016. Mas estamos acima do limite prudencial da Lei de Responsabilidade Fiscal. Podemos realizar o concurso e homologar o resultado. Mas as contratações só podem ser feitas quando o Estado ficar abaixo do limite prudencial", destaca Frederico. Do lançamento do edital até a conclusão do processo seletivo são necessários cerca de quatro meses.


O anúncio do concurso foi feito na manhã desta quinta-feira, Dia do Professor, durante lançamento no Palácio do Campo das Princesas de várias ações na área educacional. O governador de Pernambuco, Paulo Câmara, assinou a ordem de serviço para reconstrução de 13 escolas que foram destruídas pelas enchentes que atingiram a Zona da Mata do Estados nos anos de 2010 e 2011.


Dois colégios são estaduais e onze das redes municipais das cidades de Barreiros, São Benedito do Sul, Palmares, Água Preta, Catende, Vicência, Maraial, Escada e Pombos. As unidades de ensino começarão a ser construídas ainda este mês. A obra de cada escola vai variar de nove meses a um ano. A ideia é que todas fiquem prontas em 2016. O investimento será de cerca de R$ 33,8 milhões, com verba federal.


PARCERIAS - O governo também assinou uma parceria com o Instituto Natura, o Instituto de Corresponsabilidade pela educação e o Instituto Sonho Grande para desenvolver um estudo sobre o custo e o aprendizado nas escolas de tempo integral. Serão levantados e avaliados, durante o trabalho, que deve durar seis meses, eficácia e eficiência econômica e acadêmica dos colégios integrais.


Houve ainda o lançamento do portal Escola Conectada, numa parceria com os Institutos Natura, Telefônica e Inspirare. A partir de hoje, professores, alunos, pais e a sociedade em geral terão acesso a uma plataforma digital (www.escolaconectada.educacao.pe.gov.br) com mais de 8 mil mídias digitais .





JC On Line






←  Anterior Proxima  → Página inicial