Homem devolve dinheiro roubado no Ano-Novo: "Só tirei R$ 50 para comprar champanhe para minha mãe" ~ Macaparana Hoje - Informação com agilidade!

AGORA NO BLOG...

sexta-feira, 8 de janeiro de 2016

Homem devolve dinheiro roubado no Ano-Novo: "Só tirei R$ 50 para comprar champanhe para minha mãe"


 

Advogado encontrou carta assinada por suposto ladrão após voltar do feriado de Réveillon



Um homem identificado como Fábio devolveu nesta semana uma quantia de aproximadamente R$ 1.000, que ele furtou na noite de Réveillon em Copacabana, zona sul do Rio. A vítima do furto, Eduardo Goldenberg, encontrou uma carta no dia em que voltou ao trabalho, após o feriado, acompanhada da quantia.


Na carta, o homem dizia: “Doutor Eduardo, estou devolvendo seu dinheiro que peguei dia 31 em Copacabana. Não dormi, arrependido, e peço que me perdoe. Feliz Ano Novo. Só tirei R$ 50 para comprar uma champanhe pra minha mãe. Fábio”.


Eduardo afirma que gostaria de encontrar Fábio.
— Tenho vontade de saber isso: por que fez? Por que se arrependeu? Como foi? Saber a história de vida dele... Acho bacana, acho que vai ser uma experiência boa.
No dia 31 de dezembro, Eduardo estava na estação de metrô Siqueira Campos quando sentiu baterem em sua perna. Ao notar a falta da carteira, cancelou os cartões de crédito e não lamentou os R$ 1.017 que perdeu, para não estragar a festa. O advogado conta que desejou apenas que fizessem bom uso do dinheiro. 


Dois dias depois do Réveillon, uma pessoa entrou em contato com Eduardo no Facebook para dizer que havia encontrado a carteira com os documentos. Ao receber a carteira, Eduardo sentiu apenas falta dos cartões de visita com endereço e telefone do escritório em que trabalhava. 


— Ele mandou as fotos dos documentos que tinha encontrado, e já foi uma grande ação do sujeito. Se dar ao trabalho de procurar, mandar mensagem. Mandou para alguns amigos meus, até, porque eu demorei a responder.


Reencontrar os documentos já foi bom, mas a devolução do dinheiro, mais alguns dias depois, foi surpreendente.
— Essa capacidade de reflexão e regeneração é bacana de ver.

R7










←  Anterior Proxima  → Página inicial