Claro é condenada por negar prêmio a cliente sorteado em promoção ~ Macaparana Hoje - Informação com agilidade!

AGORA NO BLOG...

sábado, 21 de maio de 2016

Claro é condenada por negar prêmio a cliente sorteado em promoção




A operadora Claro foi condenada pela justiça de Rondônia a pagar R$ 25 mil a um cliente que foi sorteado em uma promoção e não recebeu seu prêmio.No julgamento, a Claro alegou que o cliente havia fraudado a promoção, fato que foi negado pela justiça. 

No processo, é possível ver que o número indicado na promoção (424) é o mesmo que consta no regulamento do Portal Ideias Premiado. O período da promoção indicado no site também coincide com a data em que o cliente foi notificado quanto ao sorteio de seu número.


O tribunal decidiu que a empresa pague o prêmio ao ganhador. A operadora alega que houve problemas com a empresa contratada para realizar a promoção, mas de acordo com a juíza responsável pelo caso, a desorganização ou falta de comunicação entre as empresas não deve prejudicar o consumidor.


A companhia também deverá pagar R$ 5 mil de indenização de danos morais sofridos pelo cliente, que teve o prêmio negado ao ir até uma loja da operadora.



Olhar digital





←  Anterior Proxima  → Página inicial