Jarbas volta a ser cotado para presidente da câmara ~ Macaparana Hoje - Informação com agilidade!

AGORA NO BLOG...

sexta-feira, 6 de maio de 2016

Jarbas volta a ser cotado para presidente da câmara



Entre os nomes cotados para assumir a presidência da Câmara Federal, o deputado federal Jarbas Vasconcelos (PMDB) surge como uma opção de Pernambuco, com elogios e até promessas de apoio do governador Paulo Câmara (PSB) e do prefeito Geraldo Julio (PSB). Em sessão no plenário, ontem, o legislador fez um discurso em tom de conciliação e recheado de gestos aos seus pares, o que pode indicar uma candidatura à corrida pelo principal posto da Mesa Diretora, em caso de novas eleições.


Durante sua fala, Jarbas Vasconcelos defendeu que a Câmara Federal encontre “uma solução imediata” para o comando da Mesa Diretora e defendeu o fortalecimento da Casa. O parlamentar defendeu a escolha de um nome com “história e tradição” para poder sentar na principal cadeira do Legislativo. Segundo ele, o próximo líder parlamentar deverá conduzir os trabalhos de forma correta, honesta, democrática e respeitando as minorias. 

O peemedebista não poupou críticas a forma que o seu correligionário dirigia o Parlamento. Vasconcelos chegou a comparar a atuação de Cunha com a de um imperador e “dono da casa”, além de classificá-lo como “psicopata” e “pessoa perniciosa”. Por isso, ele defendeu que a direção da Casa não poderá ficar nas mãos de “um apaniguado” de Eduardo Cunha.


“Incorporo todos aqueles para que a Casa busque uma solução imediata. Não pode ser um apaniguado de Cunha para presidir a casa. Esta casa tem que ser soberana, tem que se entender, tem que procurar dentro dos seus membros aqueles que podem ter comando que tem história e tradição para poder sentar aí”, afirmou. Um dia antes da queda de Cunha, Jarbas Vasconcelos se reuniu com o vice-presidente Michel Temer (PMDB). No entanto, o parlamentar garante que a sucessão na Câmara Federal não foi tratada.


Vice-presidente nacional do PSB, o governador Paulo Câmara (PSB) afirmou que dará apoio a candidatura do aliado caso seu nome seja viabilizado para a disputa. “É um assunto interno do congresso, da câmara dos deputados, mas no que a gente puder ajudar, caso haja viabilização de Jarbas nós vamos ajudar sim. 


Nós entendemos que é bom para o Brasil”, avaliou. O secretário-geral do PSB, Geraldo Julio, também defendeu o nome do peemedebista. Segundo ele, o ex-governador tem “todas as condições de presidir a Câmara Federal e liderar as transformações da Casa”. 





Coisas de Timbauba





←  Anterior Proxima  → Página inicial