Ameaçada de morte, Joelma avisa: ‘Não vão tirar a minha paz’ ~ Macaparana Hoje - Informação com agilidade!

AGORA NO BLOG...

terça-feira, 12 de julho de 2016

Ameaçada de morte, Joelma avisa: ‘Não vão tirar a minha paz’



Joelma é ameaçada e diz que nada vai tirar sua paz

Joelma é a mais recente vítima de ameaças virtuais, mas não parece preocupada em mudar a vida por conta de um seguidor que disse que a mataria. “Vou seguir minha vida, com cuidados redobrados, mas não irão tirar a minha paz”, avisa a cantora. Joelma acionou os advogados da empresa que gerencia sua carreira e eles já entraram com uma queixa crime na Delegacia de Repressão a Crimes de Internet.
As ameaças foram feitas diretamente à cantora em seu perfil no Instagram por um seguidor que criou o perfil joaolucasoliveirasilva na rede social e fez uma única publicação: a foto de Joelma e a a ameaça.

No post, o rapaz escreveu: “Se prepara para morrer hoje. Vou procurar pistas de onde você possa estar e quando eu descobrir, vou te matar, sua mentirosa. E quando eu te encontrar se prepara para passar pelo pior momento da sua vida”. Um minuto depois, outra ameaça: “Sabe o caso da Ana Hickmann? Vou fazer igual com você”. Novamente o rapaz deu seu recado: “Não stá acreditando? Pois acho melhor acreditar”.
O perfil criado para ameaçar Joelma
O perfil criado para ameaçar Joelma
 
Em seu perfil na rede social, Joelma usou uma música do Charle Brown Jr. para se manifestar sobre o assunto. “Eu faço da dificuldade a minha motivação. A volta por cima vem na continuação (Charlie Brown Jr.)”. Os fãs da cantora ficaram indignados com o que leram e defenderam a diva do Pará: “Não se preocupe porque tem Deus te tudo e ele sempre estará te protegendo .te amo”, “Quem tem Deus tem tudo. Nós fãs não iremos deixar nada de ruim acontecer com você”, “Pelo amor de Deus, aumenta a segurança, e não coma nada que estranhos te derem, não deixe ninguém estranho se aproximar muito, esse sujeito me deixou com muito medo”.


Fonte Extra.Globo.com

←  Anterior Proxima  → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário