AGORA NO BLOG...

terça-feira, 23 de maio de 2017

Senadores pedem que voto deixe de ser obrigatório




Resultado de imagem para voto


Vários Senadores apresentaram propostas de emenda à Constituição, para que o voto deixe de ser obrigatório. A Senadora Ana Amélia (PP-RS), argumenta que o número de abstenções tem sido cada vez mais alto e isso retrata a vontade do povo de poder escolher ou não exercer o direito ao voto. Ricardo Ferraço (PSDB-ES), argumenta que o voto é um direito e não uma obrigação, onde caberia ao eleitor, decidir exercê-lo ou não.Contrário a decisão, o Senador Humberto Costa (PT-PE), questionou a representatividade do eleito por sistema facultativo de voto. Segundo ele, é uma obrigação do cidadão participar da decisão do destino do seu país e o número pequeno de eleitores não dá a legitimidade de um político governar um país.Os Senadores Romero Jucá (PMDB-RO) e José Reguf (Sem Partido-DF) também são favoráveis ao voto facultativo. As propostas dele e da Senadora Ana Amélia (PP-RS), aguardam a designação do relator na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ). Já Ferraço (PSDB-ES), que teve a proposta rejeitada em 2014, foi enviada ao plenário e está pronta para ser votada. As pessoas podem participar e opinar sobre o voto facultativo, na página do Senado Federal na internet.



Fonte A Voz de Pernambuco

←  Anterior Proxima  → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário