AGORA NO BLOG...

terça-feira, 11 de dezembro de 2018

Campos de petróleo: venda de US$ 453,1 milhões é suspensa


Justiça do Trabalho aceitou pedido do Sindicato dos Petroleiros do RN que contestou decisão do Conselho Administrativo da Petrobras que aprovou a negociação com a 3R Petroleum






A venda de 34 campos de petróleo maduros – blocos que já foram explorados- no Rio Grande do Norte por US$ 453,1 milhões (dólares) foi suspensa provisoriamente pela Justiça do Trabalho e a Petrobras proibida de fazer novas negociações. Na decisão, o juiz Carlito Antônio da Cruz, da 2ª Vara do Trabalho de Natal, determinou que a paralisação deve durar no mínimo 90 dias.

A sentença, concedida na sexta-feira (7) atende a um pedido de liminar do Sindicato dos Petroleiros no Rio Grande do Norte (Sindipetro-RN). A entidade reclama que não há participação de nenhum representante dos trabalhadores na reunião do Conselho Administrativo que aprova a transação. No entendimento do magistrado, o conselho só poderá ser convocado quando estiver garantida a presença dos trabalhadores.
Desde outubro o conselho não conta com o representante. A pessoa eleita para o cargo renunciou. Pelo estatuto, a vaga deveria ter sido ocupada pelo segundo colocado na eleição, o que ainda não aconteceu, mesmo ele tendo apresentado todos os documentos necessários.
Antes da venda ser cancelada, a Petrobras tinha acertado com a empresa 3R Petroleum. Seriam pagos 7,5% do valor total na sexta, dia em que a Justiça concedeu a suspensão.



Fonte Op9


←  Anterior Proxima  → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário