AGORA NO BLOG...

segunda-feira, 11 de fevereiro de 2019

Justiça determina que Prefeitura garanta melhores condições aos conselhos tutelares de SP




A administração municipal tem 90 dias para apresentar um cronograma para resolver o problema. Há falta de segurança e privacidade nas unidades.

Resultado de imagem para conselho tutelar

A Justiça de São Paulo determinou que a Prefeitura garanta melhores condições de trabalho aos conselheiros tutelares da cidade. A administração municipal tem 90 dias para apresentar um cronograma para resolver o problema.
A comissão permanente dos conselhos tutelares de São Paulo entrou com ação civil pública e o Ministério Público instaurou inquérito civil para apurar as irregularidades encontradas nas unidades.

A Prefeitura diz que está cumprindo a determinação da Justiça, que a maioria das unidades já tem condições de atender e que vai cumprir o prazo dos 90 dias.

Na unidade da Vila Prudente, não há funcionário administrativo e, por isso, as conselheiras também fazem o trabalho burocrático. Elas têm que passar os arquivos do papel para o computador e, como o tempo é escasso, há pastas de arquivo por todos os lados da sede, até nos armários da cozinha.

Também não há ninguém para cuidar da segurança e os roubos são frequentes. Outro problema é a falta de privacidade, quando há denúncias, é possível ouvir tudo porque não há divisórias.

O conselho tutelar está instalado no prédio da própria Prefeitura Regional. As conselheiras dizem que têm um orçamento para alugar um imóvel e já apresentaram outras opções, mas não conseguem aprovação.

Na unidade da Sé, na região central da cidade, os conselheiros esperam que as medidas sejam logo tomadas. As condições de trabalho também são difíceis e parte do material usado é custeado pelos próprios conselheiros. À noite, também não há segurança e três computadores foram roubados.


Fonte G1



←  Anterior Proxima  → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário