AGORA NO BLOG...

quarta-feira, 25 de setembro de 2019

Médica catarinense recebe título de cidadã pernambucana das mãos de Antônio Moraes


Os anos de residência passados no Nordeste e a vida que construiu na região conquistaram o coração da médica Fátima de Albuquerque e Melo Nunes, que veio com a família para o Recife na década de 1960. Na Capital pernambucana, fez amigos, estudou e definiu sua carreira profissional. Natural de Blumenau (SC), ela recebeu, nesta quarta (25), em Reunião Solene, o Título de Cidadã de Pernambuco da Assembleia Legislativa. A proposição partiu do deputado Antônio Moraes (PP).

Médica catarinense recebe título de cidadã pernambucana das mãos de Antônio Moraes
Fátima Nunes concluiu o curso de Medicina na Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), na turma de 1981, e se especializou na área de ginecologia. Em 1998, tornou-se médica do Estado por concurso público e trabalha atualmente como gestora do ambulatório do Hospital dos Servidores (HSE). Ela já atuou em hospitais de vários municípios pernambucanos, como Nazaré da Mata, Orobó, Carpina, Timbaúba e Aliança, além de ter sido secretária de Saúde de algumas cidades. A homenageada ainda presta serviços voluntários para pessoas de baixa renda em comunidades do Recife.
“Por tantos anos cuidando da saúde, bem maior de todos, com carinho, competência e levando conhecimentos médicos à população de baixa renda, Fátima Nunes merece o Título de Cidadã de Pernambuco”, ressaltou o deputado  Tony Gel (MDB), que presidiu a cerimônia. A solenidade contou com apresentações musicais da cantora Luciana Alves e do Coral Vozes de Pernambuco, formado por servidores da Casa.
Antônio Moraes destacou os relevantes serviços prestados por Fátima Nunes, “principalmente no Interior, onde a população é mais carente de atendimento médico”. “Desde que chegou ao Estado, ela vem dando assistência à nossa população, a quem tem se dedicado de coração”, frisou. A homenageada agradeceu a iniciativa do Legislativo pernambucano e disse estar muito emocionada com a honraria. “As minhas origens são nordestinas e, agora, posso afirmar que renasci em Pernambuco”, enfatizou.




Fonte Blog do Elielson
←  Anterior Proxima  → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário