AGORA NO BLOG...

quarta-feira, 18 de dezembro de 2019

MPPE recomenda anulação de processo eleitoral para membros do Conselho Tutelar de Limoeiro




A recomendação foi publicada nesta segunda-feira (16) no Diário Oficial Eletrônico do Ministério Público de Pernambuco (MPPE).


logomarca
O Ministério Público de Pernambuco (MPPE) recomendou ao Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente de Limoeiro (Comdica) que não homologue o resultado do processo de escolha dos novos membros do Conselho Tutelar de Limoeiro por não compatibilidade das questões da prova objetiva com o edital. O Comdica tem cinco dias para anular o processo eleitoral para escolha de novos membros do Conselho Tutelar de Limoeiro a partir da prova. 
Segundo a recomendação do promotor de Justiça Francisco das Chagas Santos, foi identificada, ainda, a existência de 20 questões idênticas foram aplicadas em prova no processo de escolha dos membros do Conselho Tutelar de Camaragibe, na sexta-feira anterior à data de aplicação da prova em Limoeiro, aplicada no domingo, 11 de agosto deste ano. Além disso, havendo notícia de que alguns candidatos podem ter tido acesso antecipado às questões, o que pode ter acarretado privilégio, com desigualdade no processo seletivo. O MPPE recomenda ainda que o Comdica publique aditivo de edital com as alterações necessárias, elaborando novo calendário.
A recomendação foi publicada nesta segunda-feira (16) no Diário Oficial Eletrônico do MPPE.


Fonte Agora Nordeste


←  Anterior Proxima  → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário