AGORA NO BLOG...

domingo, 22 de março de 2020

Primeira semana de aulas suspensas e quarentena reduz em mais de 50% número de usuários de ônibus em SP





Segundo Prefeitura, mais de 4,9 milhões de pessoas deixaram de usar o transporte público nesta semana. Estado já contabiliza 15 mortes e mais de 396 infectados pelo novo vírus.

Coronavírus: infográfico mostra principais sintomas da doença — Foto: Foto: Infografia/G1



A primeira semana de quarentena na cidade de São Paulo para evitar a propagação do coronavírus, após o anúncio do início da suspensão das aulas em escolas públicas e particulares, provocou uma queda de mais de 55% na demanda por ônibus de transporte público na capital, segundo dados da Prefeitura.Em uma semana, mais de metade dos usuários do transporte público deixou de utilizá-lo. São mais de 4,95 milhões de passageiros, conforme a administração municipal.


Neste sábado (21), o governador, João Doria (PSDB), decretou quarentena oficial no estado até 7 de abril, para tentar conter o avanço da doença. O estado já contabiliza 15 mortes oficiais pelo Covid-19 e 396 infectados.Desde sexta-feira (20), por decreto do prefeito, Bruno Covas (PSDB), houve a determinação também para o fechamento do comércio local, com a autorização apenas para a abertura de mercados, farmácias, restaurantes. A Justiça também proibiu a realização de cultos e missas em igrejas, para evitar aglomerações.A redução na demanda por transporte público municipal começou na sexta-feira (13), quando começaram as primeiras medidas do estado para conter a propagação do vírus e o início da suspensão gradual das aulas.


Veja os números:


  • Dia 13 - sexta-feira: redução de 8%
  • Dia 16 - segunda-feira: redução de 15%
  • Dia 17 - terça-feira: redução de 23%
  • Dia 18 - quarta-feira: redução de 35%
  • Dia 19 - quinta-feira: redução de 45%
  • Dia 20 - sexta-feira: redução de 55%

Fonte G1



←  Anterior Proxima  → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário