AGORA NO BLOG...

sexta-feira, 15 de maio de 2020

Bebê com coronavírus morre aos 4 dias de vida em Pernambuco


Uma bebê de quatro dias está entre as vítimas fatais do novo coronavírus registradas no boletim epidemiológico da Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) desta terça-feira (12). Pernambuco tem 14.309 casos confirmados da doença e 1.157 mortes.


 (Foto: AFP)

A menina prematura testou positivo para Covid-19. Ela nasceu no Instituto de Medicina Integral Professor Fernando Figueira (Imip), onde estava sendo assistida em Unidade de Terapia Intensiva (UTI). O caso está em investigação pelo município do Recife, com apoio da SES-PE.

A mais jovem paciente a morrer pelo novo coronavírus no estado foi uma recém-nascida indígena com três dias de vida. A morte da bebê da etnia pipipã, de Floresta, Sertão do estado, foi registrada no último dia 5.

No boletim desta terça, a SES-PE confirmou 541 novos casos da Covid-19. Entre os confirmados hoje, 276 se enquadram como Síndrome Respiratória Aguda Grave (Srag) e 265 são casos leves. Dos 14.309 casos já confirmados, 7.644 são considerados casos graves e 6.665 foram registrados como formas leves da doença.

De acordo com a Secretaria de Saúde, dos casos graves, 1.651 evoluíram bem, receberam alta hospitalar e estão em isolamento domiciliar. Outros 2.370 estão internados, sendo 238 em UTI e 2.132 em leitos de enfermaria, tanto na rede pública quanto privada. Mais 928 pacientes se recuperaram do novo coronavírus em Pernambuco, totalizando 2.466 pessoas curadas da Covid-19.

Os casos graves confirmados da doença estão distribuídos por 141 municípios pernambucanos, além do arquipélago de Fernando de Noronha e de ocorrências de pacientes de outros estados e países.

Nas últimas 24 horas, foram confirmadas laboratorialmente mais 70 mortes, sendo 36 do sexo feminino e 34 do sexo masculino. Com isso, o estado totaliza 1.157 mortes pela Covid-19. Os óbitos aconteceram entre os dias 13 de abril e 11 maio, e os pacientes tinham idades entre 27 e 88 anos, além de uma recém-nascida com 4 dias. As faixas etárias dessas pessoas eram: 0 a 9 (1), 20 a 29 (1), 30 a 39 (4), 40 a 49 (4), 50 a 59 (13), 60 a 69 (18), 70 a 79 (18), 80 ou mais (11).


As mortes foram de pessoas que moravam nos municípios do Recife (29), Jaboatão dos Guararapes (11), Paulista (5), Carpina (4), Olinda (2), Abreu e Lima (3), Caruaru (2), Palmares (2), Carnaíba (1), Feira Nova (1), Ferreiros (1), Goiana (1), Limoeiro (1), Passira (1), Paudalho (1), Petrolina (1), São Lourenço da Mata (1), Serra Talhada (1), Serrita (1) e Vitória de Santo Antão (1).

Desses 70 pacientes que morreram, 37 apresentavam comorbidades confirmadas, como hipertensão (20), diabetes (15), doença cardiovascular (8), doença renal (6), tabagismo/histórico de tabagismo (4), obesidade (4), asma (2), neoplasia (2), histórico de doença pulmonar (1), câncer (1), insuficiência respiratória aguda (1), distúrbio hidroeletrolítico (1), doença de Alzheimer (1), hepatopatia (1), esquizofrenia (1), doença de Chagas (1) e anemia falciforme (1). A SES-PE esclarece que o mesmo paciente pode ter mais de uma comorbidade. Um não tinha comorbidade, e os demais estão em investigação pelos municípios.

Testes

Com relação à testagem dos profissionais de saúde com sintomas de gripe, 2.874 casos foram confirmados e 1.835 descartados. Outros 766 casos estão em investigação. As testagens abrangem os profissionais de todas as unidades de saúde, sejam da rede pública (estadual e municipal) ou privada.

Ao todo, considerando todos os pacientes e não só profissionais de saúde, Pernambuco processou 22.908 testes, sendo 844 nas últimas 24 horas. Do total, 16.357 foram analisados no Laboratório Central de Saúde Pública de Pernambuco (Lacen-PE); 2.878 no Genomika Diagnósticos; 2.438 em laboratórios privados; 953 no Instituto Aggeu Magalhães (Fiocruz Pernambuco) e 282 no HLA Diagnósticos. A capacidade atual do estado é de 7,6 mil testes por semana. 



Fonte Diario de Pernambuco


←  Anterior Proxima  → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário