AGORA NO BLOG...

terça-feira, 19 de janeiro de 2021

A vacina para Covid-19 acaba de chegar em Timbaúba


 A vacina para Covid-19 acaba de chegar em Timbaúba




- Serão vacinadas pessoas da primeira fase de vacinação: trabalhadores da saúde, idosos a partir de 75 anos, em seguida,  idosos a partir de 60 anos, que residem em casas de acolhimento em instituições de longa permanência e indígenas a partir de 18 anos.




Com Informações Pagina Coisas de Timbauba e Regiões



Prefeitura de Macaparana Recebe Por Meio do Deputado Antônio Moraes Emenda parlamentar no valor de R$ 403 mil reais



 Emenda parlamentar no valor de R$ 403 mil reais para o nosso Município. Logo após  em reunião com o Desembargador Dr. Fernando Cerqueira juntamente com a Primeira Dama e o Deputado para falar sobre assuntos que beneficie a nossa Cidade.




 Deputado Antonio Moraes tem manhã de atividades tratando várias pautas em defesa do povo Pernambucano













segunda-feira, 18 de janeiro de 2021

Primeiras Doses da Vacina Contra o Covid-19 Chegam em Pernambuco


 As primeiras doses da vacina contra a Covid-19 acabam de chegar em Pernambuco. Elas seguem agora para a sede do Programa Estadual de Vacinação em Casa Amarela e, de lá, para as nossas 12 Gerências Regionais de Saúde. Ainda hoje, iniciaremos a imunização dos profissionais plantonistas do Hospital Universitário Oswaldo Cruz, referência no tratamento de doenças infectocontagiosas.



Em 1º lote, Pernambuco receberá cerca de 270 mil vacinas para imunização contra a Covid-19


Cerca de 270 mil vacinas da Sinovac/Butantan serão enviadas para Pernambuco no 1º lote, quantidade que vai garantir as duas doses para 129 mil pessoas, entre profissionais de saúde, idosos acima de 60 anos que vivem em asilos e indígenas aldeados. De acordo com as informações, o Gabinete de Enfrentamento ao Novo Coronavírus estará mobilizado, a partir das 7h desta segunda (18), no Palácio do Campo das Princesas, para coordenar o início da imunização e o governador Paulo Câmara vai acompanhar do Recife a cerimônia de entrega das primeiras doses da vacina, em São Paulo.

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou, neste domingo (17), por unanimidade, o uso emergencial das vacinas Sinovac/Butantan e Astrazeneca/Fiocruz. Serão 4,3 milhões de doses compartilhadas entre os estados brasileiros nesse 1º lote. O secretário estadual de Saúde, André Longo, reafirmou que Pernambuco já está pronto para iniciar a imunização. Todas as cidades pernambucanas já receberam as agulhas e seringas para as duas primeiras fases da campanha e, nesta segunda-feira (18/01), os detalhes finais serão acertados com os municípios.



André Longo reafirmou que os imunizantes cumpriram todas as etapas que asseguram a efetividade e segurança e foram avaliadas de forma estritamente técnica pela Anvisa. “A vacina será o divisor de águas no enfrentamento da Covid-19, porque vai mudar o curso da doença, com impacto direto na redução das hospitalizações e, consequentemente, na redução da mortalidade. Por isso, não podemos colocar nada a perder neste momento. Assim, precisamos de um esforço a mais de cada um para que mais vidas não sejam sacrificadas. É hora de reforçar os cuidados com o uso de máscara, higienização das mãos e distanciamento social”, ressaltou.

 








quinta-feira, 14 de janeiro de 2021

Governo de Pernambuco proíbe som em bares, restaurantes e Similares


 

Governo de Pernambuco proíbe som em bares e prevê receber 360 mil doses do imunizante contra Covid-19




Está proibida a utilização de som, ao vivo ou gravado, em bares, restaurantes e estabelecimentos comerciais. A nova determinação do Governo de Pernambuco foi divulgada na tarde desta quarta-feira (13), devido ao aumento do número de casos graves de pacientes com Covid-19 no estado. A proibição começa a partir desta sexta-feira (15), quando serão realizadas fiscalizações nos comércios e nas áreas litorâneas do estado.

“A partir da próxima sexta-feira, iremos proibir por 30 dias a utilização de som de qualquer natureza, em bares, restaurantes e estabelecimentos similares, inclusive no comércio de praia. Porque isso tem contribuído para aglomeração nestas faixas de areia. Além disso, qualquer tipo de utilização de som que cause aglomeração, seja os chamados paredões mecânicos ou orquestras, poderão inclusive ser alvo de apreensão pelo poder público, seja por conta da polícia ou pelo controle urbano municipal, ou pelas fiscalizações que serão realizadas”, afirmou o secretário estadual de Saúde, André Longo.

Durante o anúncio, que foi transmitido pela internet, o secretário também falou sobre a vacina da Covid-19. “Estamos mais próximos da vacina, que será um divisor de águas no enfrentamento da Covid-19, porque ela vai mudar o curso da doença. Impactando positivamente, na redução das nossas hospitalizações e consequentemente da mortalidade”, informou Longo. O secretário ressaltou que o governo de Pernambuco começou a distribuir, desde ontem, cerca 1,5 milhão de seringas e agulhas para todos os municípios pernambucanos.

O boletim epidemiológico desta quarta registrou 1.803 novos casos da Covid-19. Agora, Pernambuco totaliza 236.041 casos confirmados da doença, sendo 30.017 graves e 206.024 leves, que estão distribuídos por todos os 184 municípios pernambucanos, além do arquipélago de Fernando de Noronha.

Fiscalizações e multas

De acordo com o secretário da Justiça e Direitos Humanos, Pedro Eurico, que também participou da coletiva, nos últimos 90 dias, foram fiscalizados 312 bares e restaurantes, dos quais 25 deles foram fechados. “E agora, determinei ao Procon, uma medida mais enérgica. Aquele que for reincidente, ele não vai abrir. Nós vamos caçar a autorização do funcionamento desses estabelecimentos. Nós vamos caçar a inscrição na Fazenda Estadual e também na junta comercial. Essas pessoas vão desaparecer da vida empresarial”, ressaltou o secretário.

“Nós já aplicamos multa no valor de aproximadamente de meio milhão de reais. Segundo lugar, nós não estamos multando somente contra o hotel, mas contra bares e restaurantes fundamentalmente. E hotéis, se descumprirem as regras previstas pelo governo, evidentemente serão autuados da mesma maneira. Mas no final de ano, as multas incidiram fundamentalmente sobre bares e restaurantes, porque a grande maioria dos hotéis não realizaram festas de réveillon”, acrescentou.

Distribuição das Vacinas

Na coletiva também falada sobre o próximo domingo (17), que é considerado o dia D, para a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) se manifestar sobre as duas primeiras vacinas que estão com o pedido de aprovação emergencial, que são a do tipo CoronaVac, do Instituto Butantan e a AstraZeneca, desenvolvida pela Oxford - que no Brasil, será fabricada pela Fiocruz. “Nós temos uma expectativa positiva para aprovação para essas duas vacinas, e esperamos que a semana que vem, o plano logístico do governo federal, possa trazer essas vacinas para os estados que aqui estaremos preparados para fazer a distribuição logística para os municípios iniciar o processo de vacinação em nosso estado”, afirma Longo.

Durante a coletiva, os secretários também anunciaram que Pernambuco deve receber entre 350 e 360 mil doses do imunizante contra a Covid-19. Segundo o secretário estadual de Saúde, André Longo, a expectativa é que entre 24h e 48h, Pernambuco tenha condições de estar iniciando a vacinação. 
“Se todas as vacinas que o Ministério diz estarem prontas, puderem ser distribuídas na próxima semana, nós deveremos estar recebendo algo em torno entre 350 a 360 mil doses, que é correspondente a 4,7% de 8 milhões de vacinas”, explica. Segundo o secretário são 6 milhões de vacinas do tipo CoronaVac, do Instituto Butantan, e 2 milhões de vacinas da AstraZeneca, da Oxford, com produção nacional da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz).

“Nós teremos aí, 24h no mais tardar, 48h depois, em condições de estar iniciando a vacinação em nosso estado, a partir, obviamente, da aprovação da Anvisa e da distribuição do Ministério da Saúde para a Central Logística de Pernambuco, que inclusive será um ponto de apoio para outros estados do nordeste”, complementa o secretário.

Adiamento das provas do Enem 

Questionado sobre a realização das provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), o secretário André Longo, que também é vice-presidente do Conselho Nacional dos Secretários Estaduais de Saúde (Conass), explicou que a instituição provocou o Ministério da Educação, sobre a possibilidade de adiamento dos testes.

“O Conass entendeu que dado essa diversidade, dado o cenário epidemiológico, e dada a unicidade do teste, seria de bom tom, seria importante para a saúde pública, que pudesse haver o adiamento para um cenário epidemiológico melhor. A gente sabe que isso está tendo resistência, por parte dos organizadores do evento. A gente sabe do impacto negativo que isso tem para esses jovens que vão se submeter ao teste. Mas, se a gente pudesse ter a compreensão para o adiamento, seria importante, acreditamos, para a saúde pública”, explicou.


quarta-feira, 13 de janeiro de 2021

Jovem é Morto por Arma de Fogo em Pirauá


 




Nota de Falecimento

Faleceu em Pirauá neste início de noite da quarta-feira (13), o jovem Augusto Ferreira de Pirauá.
O jovem Augusto foi alvejado por projéteis de arma de fogo e não resistiu aos ferimentos.

Augusto era um bom Cabeleireiro e seu sonho era se tornar um profissional nesse ofício.

Deus conforte todos os seus familiares e amigos.
Descanse em paz !


Com Informações Facebook Leôncio Francisco


terça-feira, 12 de janeiro de 2021

Banco do Brasil anuncia fechamento de 361 unidades e 5 mil demissões


 O Banco do Brasil (BB) anunciou nesta segunda-feira (11) dois programas de desligamento incentivado. A expectativa é que a adesão chegue a 5 mil funcionários. 



Segundo a instituição, o Programa de Adequação de Quadros (PAQ) visa ajustar a força de trabalho do banco, mudando empregados de setores com excesso de pessoal para outros com vagas disponíveis. Os empregados poderão fazer movimentações laterais e também optar pelo desligamento. O Programa de Desligamento Extraordinário (PDE) abrange todos os funcionários que atenderem aos pré-requisitos.  

Conforme o banco, as ações “visam otimizar a distribuição da força de trabalho, equacionando as situações de vagas e excessos nas unidades do banco, contribuindo para a redução de despesas e para a melhoria da eficiência operacional”.  

A economia líquida anual estimada com as ações de reduções de custos implementadas pelo banco é de R$ 353 milhões em 2021 e R$ 2,7 bilhões até 2025.

No valor não estão adicionados os recursos economizados com os planos de desligamento, que serão divulgados após o encerramento dos períodos de adesão previsto para 5 de fevereiro.

Reestruturação 

O banco prevê adaptações na rede de atendimento em 361 municípios, mantendo unidades próprias em 221 municípios e correspondentes bancários Mais BB, nos demais.

Conforme o banco, com o novo modelo 1,3 milhão de clientes passarão a contar com um gerente de relacionamento exclusivo para interação digital por meio do canal Fale.Com. 

A interação digital do banco foi ampliada especialmente no último ano. O aplicativo do banco atingiu 4,7 milhões de usuários, crescimento 273% maior do que o período anterior à pandemia. Ao mesmo tempo, o atendimento pelo WhatsApp chegou a quase 600 mil atendimentos por dia.

“Com mais 1,3 milhão de clientes atendidos no modelo de atendimento especializado por gerentes de relacionamento dedicados, avançaremos de forma importante na melhoria contínua da experiência dos nossos clientes. Isso representa 13% a mais de clientes com essa proposta de valor”, disse em nota o vice-presidente de Negócios de Varejo do BB, Carlos Motta.

“As iniciativas buscam a melhoria da experiência e satisfação do cliente e consideram a transformação digital, o aumento da concorrência e o menor patamar histórico da taxa básica de juros como elementos de destaque”, diz a nota.

O BB tomou outras medidas para reduzir custos como a devolução e venda de prédios corporativos, otimização de espaços físicos, medidas de eficiência energética e novo plano de cargos e salários. A expectativa é redução de R$ 3,3 bilhões em redução de despesas até 2025.

O Banco construiu um hotsite para esclarecer as medidas aos clientes. As informações também estão disponíveis pelo WhatsApp – (61) 4001-0001 e pela Central de Atendimento 0800 729 5291, de segunda a sexta-feira, das 8 às 20 horas.

Veja Mais 

>>>Banco do Brasil vai vender 1.404 imóveis com descontos de até 70%

Banco do Brasil e venda de Imóveis 

O Banco do Brasil anunciou a venda de 1.404 imóveis com descontos que podem chegar a 70%. A oferta abrange casas e apartamentos com valores que variam de R$ 15 mil a R$ 21,7 milhões.Banco do Brasil, Banco do Brasil vai vender 1.404 imóveis com descontos de até 70%Banco do Brasil, Banco do Brasil vai vender 1.404 imóveis com descontos de até 70%

A campanha de venda tem previsão de seguir até o dia 15 de janeiro. Informações sobre os imóveis podem ser obtidas por meio deste site.

A Região Nordeste é a que concentra maior número de imóveis à venda, com 590 unidades e descontos de até 65%. Em seguida está a Centro-Oeste: 349 imóveis e descontos de até 70%.

O banco informou que, em 2020, vendeu 770 imóveis decorrentes de créditos concedidos a inadimplentes. Destes, 684 foram por meio da plataforma Seu Imóvel BB. As outras vendas foram feitas por meio de leilão online ou por venda direta.

“Para dar segurança ao comprador, o BB garante o pagamento de todas as despesas vinculadas ao imóvel até a transferência da propriedade ao comprador, como impostos, taxas de energia, água e gás e condomínio”, informou, por meio de nota, o banco.

Para acessar o site do Banco do Brasil com as ofertas de imóveis, clique aqui.


Desde meados de dezembro, o banco disponibilizou um outro portal – o AgroBB –, que é dedicado exclusivamente à venda de imóveis rurais.

Há nesse portal o portfólio de cerca de 100 propriedades em todo o território nacional, com valores que vão de R$ 11 mil (terreno) a R$ 48 milhões (fazenda).

Para acessar o site AgroBB, clique aqui.

Da redação do Portal com informações da Agência Brasil 

Primeiras vacinas chegam a Pernambuco no dia 20 de janeiro


 O Estado garantiu que dispõe de seringas suficientes para atender, no mínimo, a primeira e a segunda etapa da vacinação.



Na manhã desta segunda-feira (11), os secretários de saúde dos municípios pernambucanos participaram de uma reunião extraordinária com o Secretário de Saúde do Estado de Pernambuco, André Longo e a Coordenação de Vigilância em Saúde do Estado para tratar sobre o esquema de vacinação da Covid-19. Eles receberam uma boa notícia.

Na conversa, por videoconferência, o Estado informou que as vacinas chegarão em Pernambuco no dia 20 de janeiro e serão distribuídas para as 12 Gerências Regionais de Saúde (Geres), que ficarão com a incumbência de direcionar para os municípios.

A previsão é que até o dia 25 de janeiro a vacina chegue em todas cidades pernambucanas.

A primeira etapa da vacinação vai abranger os profissionais de saúde que trabalham na linha de frente contra o novo coronavírus em centros e unidades de saúde e as pessoas com mais de 80 anos. A imunização acontecerá diariamente nas Unidades Básicas de Saúde – UBS’s.

Antes disso, serão enviados os quantitativos necessários de seringas e Equipamentos de Proteção Individual – EPI’s, que serão usados pelos profissionais de saúde que irão trabalhar na aplicação, para as localidades contempladas. Até a próxima sexta-feira, esses materiais devem ser enviados.

O Estado garantiu que dispõe de seringas suficientes para atender, no mínimo, a primeira e a segunda etapa da vacinação.

Ao todo, serão destinadas um milhão e meio de seringas, além das já utilizadas na rotina da saúde.

Fonte: AMUPE

Veja Mais 

>>>“No Brasil estamos vacilando, e não vacinando”, diz Doria

Vacina no Brasil 

Nesta segunda-feira (11), o governador de São Paulo, João Doria, voltou a criticar a demora da aprovação contra à Covid-19. O gestor estadual fez um apelo para que a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) tenha senso de urgência na aprovação dos imunizantes.

“Não podemos esquecer que o Brasil está perdendo mil vidas. São cinco aviões lotados que caem todos os dias. Não é razoável que processos burocráticos se sobreponham à vida”, afirmou em coletiva.

Governo de São Paulo, de João Doria, pretende iniciar a campanha de imunização no dia 25 de janeiro. Na última sexta-feira, 8 de janeiro, o Instituto Butantan enviou à Anvisa o pedido de emergencial da CoronaVac, imunizante que vem sendo produzido no Brasil em parceria com a farmaceutica SinoVac. De acordo com informações, o prazo para que saia o parecer é de 10 dias, a partir do prazo de envio.

Doria fez um apelo ao governo federal e ao Ministério da Saúde.

“Mais de 60 países estão vacinando. Aqui, estamos vacilando, e não vacinando”, disse.

Leia mais:
>> Governo fecha contrato para compra de 100 milhões de doses da Coronavac

Declaração

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) disse a apoiadores, na quinta-feira (7), que, ainda em janeiro, a vacina contra a Covid-19 vai estar disponível no Brasil “para quem quiser”.

“Alguém sabe quantos por cento vai tomar a vacina? Pelo que eu sei, menos da metade vai tomar vacina”, declarou, na saída do Palácio da Alvorada.

Segundo Bolsonaro, o dado sobre o percentual da população brasileira que vai optar pelo imunizante foi colhido por ele, em pesquisas feitas “na praia, na rua e em tudo que é lugar”.

 

“Mas pra quem quiser, em janeiro vai ter. Está prevista a chegada de 2 milhões de doses, agora em janeiro. O pessoal pode tomar, sem problema nenhum.”

O chefe do Executivo também afirmou que o Brasil tem um plano de imunização que nenhum outro país tem.

“E outra: temos um plano de vacinação, via SUS, que ninguém tem no mundo. Temos aí centenas de salas de vacinação pelo mundo. Não faltam”, ressaltou.

O presidente demonstrou hesitação sobre o eventual imunizante para uso emergencial, cuja aprovação passa pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária). O procedimento agiliza a vacinação para conter a disseminação do vírus, e tem sido adotado em diversos países, como Estados Unidos e Reino Unido.

“A vacina emergencial não tem segurança ainda. Ninguém pode obrigar ninguém a tomar algo que você não tem certeza das consequências. Agora, em janeiro vai estar à disposição”, destacou.

segunda-feira, 11 de janeiro de 2021

Preso o filho que matou o pai a pedradas em Timbaúba


 Um homem de 48 anos foi preso na madrugada deste domingo (10) por suspeita de matar o pai, de acordo com a Polícia Militar (PM). 




O idoso tinha 81 anos e foi morto no Alto Santa Terezinha, em Timbaúba, na Zona da Mata de Pernambuco.

Ainda segundo a PM, uma equipe fazia rondas na Avenida Arcoverde quando a esposa e a neta da vítima pediram apoio aos policiais. Segundo o que foi dito à equipe, o homem estaria embriagado e quebrando objetos dentro da casa.

Ao entrarem na residência, os policiais encontraram o idoso sem vida. 

O suspeito, filho da vítima, havia fugido. Depois de buscas, ele foi encontrado e levado a uma delegacia em Goiana, na Zona da Mata, para “adoção das medidas legais cabíveis”

De acordo com a Polícia Civil, equipes da Força Tarefa e do Instituto de Criminalística compareceram até o local. O homem preso deve passar por uma audiência de custódia.


Fonte Giro Timbauba

Mulher é detida após furtar celular em Macaparana


 



Uma mulher foi detida, após furtar um celular, na manhã do último sábado (9), em Macaparana. Segundo a Polícia Militar, o efetivo foi acionado por um indivíduo que relatou que na noite anterior, estava bebendo em um bar, quando uma mulher teria pedido o aparelho telefônico dele para fazer uma ligação e foi embora, sem devolver o objeto.

Depois de obter as informações da suspeita, o efetivo realizou rondas e localizou a mulher em frente ao mercado público, entregou o celular ao policiamento. As partes foram conduzidas à delegacia, juntamente com o aparelho, para as medidas cabíveis.


Fonte Voz de Pernambuco



Proxima  → Página inicial