AGORA NO BLOG...

segunda-feira, 25 de janeiro de 2021

Ministério Público de Pernambuco recomenda a Macaparana e Mais 12 municípios obedecer plano de vacinação contra Covid-19


 
Municípios na mira do MPPE são: Macaparana, Maraial, Chã de Alegria, Glória do Goitá, Terra Nova, Passira, Jaqueira, Ibirajuba, Cabrobó, Custódia, Afrânio, São Lourenço da Mata e Dormentes.




O Ministério Público de Pernambuco (MPPE) se uniu ao Ministério Público Federal (MPF) para expedir uma recomendação conjunta à Secretaria de Saúde do Recife e à Secretaria Estadual de Saúde. O propósito é garantir que os gestores responsáveis cumpram fielmente o Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação contra a Covid-19, respeitando, sobretudo, as regras de priorização dos grupos que devem se vacinar nesta fase inicial.

Assim, os gestores devem obedecer às listas nominais de trabalhadores da saúde a serem elaboradas previamente pelas unidades de saúde, seguindo os critérios como idade, comorbidade, local de trabalho, atividades desempenhadas, entre outras prioridades de risco.

Também é necessário que informem o planejamento para controle de pessoas vacinadas, quantitativo de equipamentos de proteção pessoal (EPIs), demais materiais, infraestrutura e pessoal destinado à aplicação das vacinas.

 Outro ponto importante é garantir a fiscalização da vacinação e a adoção das devidas providências para quem desrespeitar os critérios em benefício próprio ou de outros.

Os gestores precisam ainda divulgar datas, critérios e estrutura para as próximas fases da vacinação, da mesma forma que apresentar o planejamento para a segunda dose de quem for vacinado neste primeiro momento. Os grupos a serem abrangidos e os locais de vacinação devem ser publicizados, como também as datas e formas de recebimento e de distribuição dos novos lotes.

Em caso de descumprimento do Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação contra a Covid-19, os responsáveis ficam sujeitos a medidas administrativas punitivas cabíveis, assim como cíveis e criminais.

A recomendação é assinada pela promotora de Justiça Helena Capela, que atua na Defesa da Saúde da Capital, e pelas procuradoras da República, Carolina Furtado e Mona Lisa Aziz. E segue a mesma linha de orientação da Recomendação PGJ n.º 01/2021, expedida pelo procurador-geral de Justiça, Paulo Augusto Freitas, no último 20 de janeiro.

sábado, 23 de janeiro de 2021

Honda anuncia suspensão temporária de produção no Amazonas


 

Linha de produção será paralisada entre 25 de janeiro e 3 de fevereiro. Funcionários entrarão em férias coletivas.







A Honda anunciou, nesta sexta (22), que irá suspender temporariamente sua linha de produção no Amazonas. A paralisação irá ocorrer de 25 de janeiro a 3 de fevereiro. A fábrica produz motocicletas, quadriciclos e motores estacionários.

A medida foi tomada, segundo a empresa, por conta do avanço da Covid-19 no estado e pela indisponibilidade de insumos para a produção, afetada pela pandemia. "A retomada está prevista para 4 de fevereiro, desde que as condições necessárias sejam atendidas", disse.

Amazonas enfrenta um novo surto de Covid, e sofre com falta de oxigênio nos hospitais. Em meio ao caos na Saúde, a vacinação contra Covid já está há dois dias suspensa em Manaus para "replanejamento" da campanha, após denúncias de fura-fila.

Até quinta (21), mais de 6,7 mil pessoas morreram com a doença. O mês de janeiro já bateu recorde de internações pela doença no estado.

O comércio não essencial no Amazonas está proibido de abrir até o dia 31 de janeiro, mas indústrias não foram afetadas pela decisão. O estado também está com toque de recolher de 19h às 6h.

De acordo com a Honda, durante o período de suspensão, os colaboradores das áreas administrativas e produtivas entram em férias coletivas, "permanecendo um contingente mínimo de pessoas para a realização de atividades essenciais".



Expresso 1002 reajusta valor das passagens. Confira os novos valores por trajeto


 A empresa Expresso 1002, que opera linhas de ônibus na Mata Norte e parte do Agreste do estado anunciou, para a próxima segunda-feira (25), que estará praticando novos valores nas passagens de ônibus.

O reajuste anunciado é de 14,8%, que foi autorizado pela Agência Reguladora de Pernambuco (ARPE), sendo anunciado hoje (23). O percentual de aumento é de acordo com o IPCA do período. De acordo com a empresa o último reajuste, de passagens, ocorreu há 3 anos e meio.



Deputado propõe prorrogar auxílio emergencial até abril com valor de R$ 600,00 Reais


 O Projeto de Lei 5650/20 prorroga o pagamento do auxílio emergencial como medida de enfrentamento à pandemia de Covid-19, com valor de R$ 600, até abril deste ano. O auxílio foi criado pela Lei 13.982/20 para atender pessoas em situação de vulnerabilidade social durante a emergência de saúde pública provocada pela doença. O projeto tramita na Câmara dos Deputados.


Pago desde abril de 2020, sendo as cinco primeiras parcelas de R$ 600 e as quatro últimas de R$ 300, o auxílio emergencial acabou extinto em 31 de dezembro do ano passado, juntamente com o fim da vigência do decreto 6/20, que reconheceu a situação de emergência de saúde no País.

Autor do projeto, o deputado Chiquinho Brazão (Avante-RJ) avalia que as vantagens sociais e econômicas trazidas pelo auxílio emergencial devem ser mantidas. “Ainda que de forma temporária, o benefício contribuiu para reduzir o índice de pobreza da população e para manter a atividade econômica”, diz Brazão.

“Caso o auxílio não tivesse sido oferecido desde abril de 2020, o índice de pobreza teria saltado para 36% durante a pandemia. Além da queda de renda da população, o fim do benefício vai afetar a arrecadação de estados e municípios e os pequenos comércios locais”, acrescentou.

STF
Uma liminar concedida pelo ministro Ricardo Lewandowski, do Supremo Tribunal Federal (STF), em 30 de dezembro de 2020, garantiu a prorrogação das medidas sanitárias de enfrentamento à pandemia, mas não prorrogou o decreto que reconheceu o estado de calamidade pública nem o pagamento do auxílio-emergencial.

Acidente envolvendo carro da Compesa no trevo de Aliança


 Acidente envolvendo veículo da empresa Compesa e outro veículo é registrado no trevo de Aliança.

A colisão aconteceu entre o veículo modelo Saveiro pertencente a Compesa da cidade de Aliança e outro veículo. Não há informações de feridos.


Radar de Noticias PE





quinta-feira, 21 de janeiro de 2021

TONY MOURA É EMPOSSADO VEREADOR PARA MAIS UM MANDATO NA CASA DR. BENJAMIM MARIZ






Na manhã de hoje (21), conforme estabelece a Lei Eleitoral Brasileira e a Lei Orgânica do Município, o Presidente da Câmara de Vereadores de Macaparana, empossou Tony Moura, atual 1° suplente do Progressistas no cargo de Vereador, que até então encontrava-se vago, desde a licença da titular Vereadora Socorro Nascimento, 1a Dama do Município, para assumir a Secretaria Municipal de Assistência Social. 

"Meu objetivo é de continuar lutando pelo melhor para Macaparana! Tendo dessa vez muito mais condições de ver meus pleitos atendidos,  pela facilidade de acesso e pelas causas incomuns e igualdade de pensamento  que tenho com o atual Prefeito,  a quem aliás,  agradeço a confiança sempre depositada em mim. Vou tentar de todas as formas ajudar Paquinha a fazer uma grande gestão, a melhorar a qualidade dos serviços públicos prestados pelo município e também a colocar em prática projetos importantes, desde os mais simples aos mais complexos, para o bem do nosso povo e da nossa gente." Declarou o Vereador Tony Moura.

terça-feira, 19 de janeiro de 2021

A vacina para Covid-19 acaba de chegar em Timbaúba


 A vacina para Covid-19 acaba de chegar em Timbaúba




- Serão vacinadas pessoas da primeira fase de vacinação: trabalhadores da saúde, idosos a partir de 75 anos, em seguida,  idosos a partir de 60 anos, que residem em casas de acolhimento em instituições de longa permanência e indígenas a partir de 18 anos.




Com Informações Pagina Coisas de Timbauba e Regiões



Prefeitura de Macaparana Recebe Por Meio do Deputado Antônio Moraes Emenda parlamentar no valor de R$ 403 mil reais



 Emenda parlamentar no valor de R$ 403 mil reais para o nosso Município. Logo após  em reunião com o Desembargador Dr. Fernando Cerqueira juntamente com a Primeira Dama e o Deputado para falar sobre assuntos que beneficie a nossa Cidade.




 Deputado Antonio Moraes tem manhã de atividades tratando várias pautas em defesa do povo Pernambucano













segunda-feira, 18 de janeiro de 2021

Primeiras Doses da Vacina Contra o Covid-19 Chegam em Pernambuco


 As primeiras doses da vacina contra a Covid-19 acabam de chegar em Pernambuco. Elas seguem agora para a sede do Programa Estadual de Vacinação em Casa Amarela e, de lá, para as nossas 12 Gerências Regionais de Saúde. Ainda hoje, iniciaremos a imunização dos profissionais plantonistas do Hospital Universitário Oswaldo Cruz, referência no tratamento de doenças infectocontagiosas.



Em 1º lote, Pernambuco receberá cerca de 270 mil vacinas para imunização contra a Covid-19


Cerca de 270 mil vacinas da Sinovac/Butantan serão enviadas para Pernambuco no 1º lote, quantidade que vai garantir as duas doses para 129 mil pessoas, entre profissionais de saúde, idosos acima de 60 anos que vivem em asilos e indígenas aldeados. De acordo com as informações, o Gabinete de Enfrentamento ao Novo Coronavírus estará mobilizado, a partir das 7h desta segunda (18), no Palácio do Campo das Princesas, para coordenar o início da imunização e o governador Paulo Câmara vai acompanhar do Recife a cerimônia de entrega das primeiras doses da vacina, em São Paulo.

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou, neste domingo (17), por unanimidade, o uso emergencial das vacinas Sinovac/Butantan e Astrazeneca/Fiocruz. Serão 4,3 milhões de doses compartilhadas entre os estados brasileiros nesse 1º lote. O secretário estadual de Saúde, André Longo, reafirmou que Pernambuco já está pronto para iniciar a imunização. Todas as cidades pernambucanas já receberam as agulhas e seringas para as duas primeiras fases da campanha e, nesta segunda-feira (18/01), os detalhes finais serão acertados com os municípios.



André Longo reafirmou que os imunizantes cumpriram todas as etapas que asseguram a efetividade e segurança e foram avaliadas de forma estritamente técnica pela Anvisa. “A vacina será o divisor de águas no enfrentamento da Covid-19, porque vai mudar o curso da doença, com impacto direto na redução das hospitalizações e, consequentemente, na redução da mortalidade. Por isso, não podemos colocar nada a perder neste momento. Assim, precisamos de um esforço a mais de cada um para que mais vidas não sejam sacrificadas. É hora de reforçar os cuidados com o uso de máscara, higienização das mãos e distanciamento social”, ressaltou.

 








Proxima  → Página inicial