AGORA NO BLOG...

domingo, 20 de agosto de 2017

Entre janeiro de 2016 e agosto de 2017, 213 crianças sofreram abusos em Pernambuco




Dados foram apresentados durante audiência pública realizada nesta sexta-feira (18) pelo Ministério Público Federal

Entre os meses de janeiro de 2016 e agosto deste ano, 213 casos de abusos de crianças e adolescentes foram registrados em Pernambuco. Destes, mais de 80% foram estupros. Os dados foram apresentados nesta sexta-feira (18) pelo Ministério Público Federal (MPF) durante a audiência pública "Crimes contra dignidade sexual das crianças e adolescentes: a prevenção começa em casa".

Outro índice que chama atenção é o local dos abusos. A maioria ocorre em casa, onde as crianças deveriam sentir-se protegidas. O MPF aponta que 8 em cada 10 abusos de crianças e adolescentes ocorrem por parte de parentes, geralmente de sexo masculino. A maior parte das vitimas são meninas com idades entre 7 e 8 anos.

A audiência foi presidida pelos promotores de justiça Giani Maria do Monte e Salomão Abdo Aziz e teve o acompanhamento de autoridades federais, estaduais e municipais, além de ser aberta ao público. "Quando trabalhamos nesta área sabemos como é chocante o número de abusos que acontecem dentro de casa", relata Salomão Aziz. "É impossível não se sensibilizar com os casos que vemos" completa Giani do Monte.

Representante da OAB e mãe de uma criança de 5 anos, Rayssa Araújo falou sobre a importância da criação de uma relação de confiança com as crianças. "Temos que ensinar às nossas crianças que elas são credoras de direitos. Temos que criar laços com elas, fazê-las sentir a confiança de que podem relatar qualquer tipo de violação", afirmou.

Fonte Motiva Gente

Juíza federal derruba aumento dos combustíveis


Decisão atende a ação movida pelo deputado federal Aliel Machado (Rede-PR)

Resultado de imagem para gasolina-

A juíza Adverci Rates Mendes de Abreu, da 20ª Vara Federal de Brasília, concedeu liminar que suspende o aumento do PIS/Cofins sobre os combustíveis. A decisão atende a ação movida pelo deputado federal Aliel Machado (Rede-PR).

"Por fim, cumpre registrar que não se ignora o grave momento por que passa a economia do país, mas não parece razoável que, necessitando corrigir desmandos de gestões anteriores, o governo venha se valer da solução mais fácil - aumentar tributos - que desde tempos imemoriais vem sendo historicamente adotados por governos em momentos de crise, lembrando sempre que os governos são eleitos para promover o bem comum e não para penalizar mais ainda o cidadão com majoração de tributo, que amarga carga tributária já tão elevada", anotou a magistrada.

"Derrubamos o decreto de Temer, que é um decreto ilegal que não respeita as legalidades previstas na Constituição, o código tributário e que prejudicara o País como um todo", afirmou o deputado federal, em vídeo na sua conta de Facebook.



Fonte Diario de Pernambuco

sexta-feira, 18 de agosto de 2017

GT de Aliança captura foragido do CASE Timbaúba que praticou homicídio em Macaparana


Policiais Militares de serviço na GT de Aliança, recebeu uma denúncia anônima de que na rua da palha havia alguns elementos armados e vendendo drogas, de imediato Seguiram até o local e chegando na citada casa, foi avistado o adolescente infrator 01 A. J. S. de 17 anos, que de imediato autorizou a entrada naquela casa e, foi constatado que ele era foragido do CASE/TIMBAÚBA.







O menor estava cumprindo medida socioeducativa naquele local pelo crime de homicídio praticado na cidade de Macaparana na passagem de ano 2015/2016, no local foi encontrado 01 (uma) arma de fogo de fabricação caseira, descarregada, 04 (quatro) trouxas de maconha, 01 (uma) porção de uma substância parecida com cocaína, 01 aparelho celular e alguns sacos plásticos para embalagem da droga.

 A PM deu voz de apreensão dele e de todo material encontrado e foi conduzido para a delegacia local, ao qual no orientou a levá-lo para a delegacia de Paudalho para fazer o devido procedimento, feito conforme orientação dada, onde lá contra A. J. S., de 17 anos, foi feito o procedimento policial devido.

 O jovem infrator deve ser recambiado para o CASE/TIMBAÚBA muito breve para continuar a cumprir a medida socioeducativa.



Fonte Blog Coisas de Timbauba e Regiões

Criminosos executam jovem de 24 anos dentro do Hospital Regional de Salgueiro, no Sertão de PE




Um jovem de 24 anos foi morto na madrugada desta quinta-feira (17) dentro do Hospital Regional Inácio de Sá em Salgueiro, no Sertão de Pernambuco. De acordo com o 8º Batalhão da Polícia Militar (8º BPM), por volta das 3h35, dois homens entraram no leito da unidade, e efetuaram vários disparos de arma de fogo contra a vítima, que estava deitada em uma maca. Ele morreu no local.

De acordo com funcionários do hospital, que preferiram não se identificar, os criminosos pularam o muro e foram em direção aos leitos. No quarto, eles pediram para que as pessoas que estavam presentes se afastassem da vítima e efetuaram cerca de cinco disparos.
Segundo a polícia, o jovem havia dado entrada no Hospital Regional na noite de terça-feira (15) depois de ter sido baleado no abdômen, na Rua Joaquim Neto, no Centro de Terra Nova.
A polícia realizou diligências na cidade, mas ninguém foi preso. Um inquérito foi instaurado para investigar a autoria do crime.
O corpo foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) da cidade de Petrolina para serem realizados os procedimentos legais.
Hospital Regional lamenta o caso
Em nota, a direção do Hospital Regional lamentou o ocorrido e disse que a unidade tem três profissionais por plantão para fazer a segurança. De acordo com a nota, assim que aconteceu o crime, as Polícias Civil e Militar foram acionadas. A direção informou que a segurança do hospital está sendo reforçada pela PM e que o hospital está prestando todo o apoio necessário aos familiares da vítima e aos funcionários da unidade.
Segundo as investigações da polícia civil, o homicídio pode estar relacionado ao tráfico de drogas.

Fonte Pernambuco Conectado


quinta-feira, 17 de agosto de 2017

CNH Digital está prevista para ser implantada em fevereiro; entenda


Detrans que tiverem interesse já podem iniciar seus testes e se adequarem com antecedência






Você já ouviu falar na CNH Digital? Será agora uma alternativa para os motoristas portarem enquanto dirigem. O Conselho Nacional de Trânsito (Contran) publicou nesta quarta-feira, dia 16, uma resolução que muda o cronograma da Carteira Nacional de Habilitação Eletrônica (CNH-e), documento que será emitido por meio de aplicativo no celular com o mesmo valor jurídico da carteira impressa.
O texto inicial da medida, de 25 de julho, afirmava que o documento digital seria implantado pelos Detrans "a partir" de 1º de fevereiro de 2018. A nova publicação exige a implantação "até" essa data.
Isto quer dizer que os Detrans podem começar a emitir nos próximos meses, sendo que em 1º de fevereiro todos os órgãos estaduais devem estar obrigatoriamente aptos a disponibilizar a carteira virtual para quem tiver interesse.
"Os Detrans que tiverem interesse já podem iniciar seus testes e se adequarem com antecedência", afirmou ao portal G1 o Ministério das Cidades. O primeiro estado a ter um projeto-piloto será Goiás, de acordo com o ministério.

VEJA PERGUNTAS E RESPOSTAS SOBRE A CNH DIGITAL

Quando começa a valer?
Até 1º de fevereiro de 2018 todos os Detrans devem estar aptos a emitir a versão digital.
O que é preciso para tirar?
A CNH digital deverá ser obtida por meio de um aplicativo, que estará nas lojas oficiais da Apple e do Google (para aparelhos Android) a partir de fevereiro próximo.
Após baixar o aplicativo, o motorista terá que optar entre usar um certificado digital (pago), para fazer todo o processo pela internet, ou ir até um posto do Detran para se cadastrar.
É preciso fazer cadastro no Portal de Serviços do Denatran. Depois disso, o usuário fará o "login" no aparelho que utilizará a CNH digital. Neste primeiro acesso, será gerado um PIN (código) de segurança, criado para poder visualizar os documentos.
A CNH-e só poderá ser emitida para quem tem a nova CNH, com QR Code, um código específico para ser lido por aparelhos eletrônicos que existe nas carteiras de habilitação emitidas desde maio último.
Quanto custará? Quem tem a CNH impressa terá de pagar para ter a digital?
O Denatran diz que a cobrança de possíveis taxas para emissão da CNH digital ficará a cargo dos Departamentos Estaduais de Trânsito (Detrans). São eles que determinam atualmente os valores das taxas da CNH impressa, que variam de estado para estado.
O Detran-SP afirmou que ainda não tem nenhuma definição sobre cobrança do documento digital.
E se eu quiser a CNH impressa?
A CNH-e será opcional, para quem tiver interesse em ter o documento no smartphone. A carteira impressa continuará a ser emitida normalmente nos padrões atuais.
É preciso ter certificado digital?
Não é obrigatório, diz o Denatran. O certificado digital, que é uma assinatura eletrônica com a mesma validade da assinatura física, e possibilita realizar operações pela internet, vai permitir que todo o processo de obtenção da CNH digital seja feito onde o motorista estiver.
Caso contrário, ele terá de ir até o Detran.
O certificado digital é pago e oferecido por entidades credenciadas, como os Correios e a Serasa. Em ambos, o pacote de 1 ano do certificado digital custa R$ 164. Os Correios também oferecem o serviço por 36 meses por R$ 267.
O Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro), empresa pública que desenvolve o sistema da CNH digital, também oferece certificados digitais. Com válidade de 1 ano, o preço é de R$ 145, enquanto para 36 meses é de R$ 220.
"Para a maioria das pessoas, eu duvido que vai valer a pena comprar um certificado digital por R$ 200 ou mais (incluindo custo do cartão e leitor) só para fazer o pedido dessa CNH. Talvez a melhor maneira de tratar desse assunto é: quem já precisa de e-CPF para suas atividades (como alguns empresários, advogados, contadores) vai ter a opção de emitir e bloquear a CNH digital sem ir ao Detran", aponta Altieres Rohr.
É segura? E se roubarem meu celular?
O Ministério das Cidades afirma que há um conjunto de padrões técnicos para suportar um sistema criptográfico que assegura a validade do documento.
A autenticidade da CNH digital poderá ser comprovada pela assinatura com certificado digital do emissor (Detrans) ou com a leitura de um QRCode, mas isso não quer dizer que será preciso ter sinal de internet para acessar o documento.
Mas sempre será necessária uma senha de 4 dígitos para abrir CNH digital, diz o Serpro.
Caso o smartphone com a CNH digital seja roubado, o usuário deverá bloquear o documento. Se tiver o certificado digital, ele poderá entrar no Portal de Serviços do Denatran e solicitar o bloqueio remoto. Caso contrário, terá que ir até algum posto do Detran.
"É positivo. Se eles baixam demais a segurança no bloqueio, por exemplo, alguém que rouba sua senha poderia invalidar sua CNH digital enquanto você está numa viagem e te causar uma série de problemas. Então, faz sentido que esse tipo de solicitação exija uma segurança adicional", diz Altieres, especialista em defesas contra ataques cibernéticos.
E se não tiver sinal de internet ou wi-fi onde o guarda pedir minha CNH?
Não há problema. De acordo com o Denatran, será necessária conexão com a internet somente no primeiro acesso, depois, a CNH estará disponível off-line. O acesso é feito com uma senha de 4 dígitos, afirma o Serpro.
Qual a multa para quem esquece a CNH?
Quem tem habilitação, mas não está com o documento ao dirigir, comete infração leve, com multa no valor de R$ 88,38, mais 3 pontos na carteira. O veículo fica retido até a apresentação do documento.
Multa para quem esquecer a CNH vai acabar?
Existe um projeto que extingue a multa para quem esquecer a CNH, mas ele ainda está tramitando no Congresso.
Ele foi aprovado na Comissão de Constituição e Justiça e da Cidadania (CCJ) da Câmara dos Deputados no mês passado, em caráter conclusivo, e deveria seguir para o Senado. Mas foi apresentado um recurso, pedindo que a proposta seja analisada no plenário. Até a última quinta-feira (27), esse recurso ainda estava na Mesa Diretora da Câmara, para ser apreciado.
Além de passar na Câmara e no Senado, o projeto precisará também da sanção do presidente Michel Temer para valer.

Fonte Reclame Aqui


Em Pernambuco, 89,7% municípios estão com risco elevado para transmissão de arboviroses




Dados correspondem a atualização do 4º LIRAa. Estudo monitora a quantidade de imóveis com a presença de larvas do mosquito.

Mosquito Aedes aegypti é transmissor da dengue, zika e chikungunya (Foto: Paulo Whitaker/Reuters)

Mosquito Aedes aegypti é transmissor da dengue, zika e chikungunya (Foto: Paulo Whitaker/Reuters)



Com a atualização do 4º Levantamento de Índice Rápido do Aedes aegypti (LIRAa), chega a 89,7% quantidade de municípios pernambucanos que estão em situação de risco elevado para transmissão de arboviroses como dengue, zika e chikungunya. O estudo monitora a quantidade de imóveis com a presença de larvas do mosquito.

O 4º LIRAa foi divulgado pela Secretaria Estadual de Saúde em julho deste ano. Porém, 12 cidades ainda não haviam informado o resultado das inspeções. Atualizado, ele passa a conter os dados dos 184 municípios pernambucanos. Fernando de Noronha não é analisado pelo levantamento.

O monitoramento aponta que 165 municípios estão na situação de risco elevado para a transmissão. Desses, 91 locais estão em risco de surto e 74 em situação de alerta. Dezenove cidades registram situação satisfatória. Ao todo, o 3º LIRAa apresentou 163 localidades com problemas.

Doenças

Em 2017, Pernambuco notificou 11.238 casos de dengue. Segundo o estado, houve uma redução de 89,9% em relação ao ano passado. Desses, 2.872 foram confirmados.

Foram registrados, ainda, 3.301 casos de chikungunya, o que representa redução de 94,4% ao comparar com o mesmo período de 2016. Foram confirmados 845 casos. A Secretaria de Saúde notificou também 505 ocorrências de zika, o que significa uma diminuição de 95.4%. Nenhum caso foi confirmado.

Mesmo com a queda das notificações de arboviroses, em relação a 2016, o governo ressalta a importância da vigilância. A técnica do Programa de Controle das Arboviroses da Secretaria Estadual de Saúde (SES) Daniela Bandeira justificou que houve um leve aumento dos registros, nos últimos levantamentos.

Para ela, é preciso chamar a atenção dos gestores municipais e da população para que as ações de controle continuem sendo realizadas normalmente.

Até o momento, a SES investiga 65 óbitos por arboviroses. Uma pessoa morreu por conta da dengue. Contudo, não foi repassado detalhes da vítima. Vinte suspeitas de morte pelas três doenças foram descartadas. Em 2016, a pasta notificou 358 óbitos suspeitos.

Fonte G1 Pernambuco





" Operação Novo Tempo" em Timbaúba cumpre 44 mandados de prisão e 21 busca e apreensão




A Polícia Civil de Pernambuco deflagrou, na manhã desta quinta-feira

Resultado de imagem para polícia

(17), uma ação contra três organizações criminosas envolvidas em homicídios, tráfico de drogas, roubos e venda de armas.

A ‘Operação Novo Tempo’ cumpre 44 mandados de prisão preventiva, oito de busca e apreensão de adolescentes e 21 de busca e apreensão domiciliar.
A ação está sendo realizada na Zona da Mata Norte de Pernambuco, onde as organizações atuavam. As investigações tiveram início em Timbaúba, distante 100 quilômetros do Recife.

A ’Novo Tempo’ é a 30ª operação de repressão qualificada deflagrada este ano pela Polícia Civil. Participam da operação 120 policiais, entre delegados, agentes e escrivães.

Segundo a Polícia Civil, ao longo das investigações, 36 suspeitos de integrar as organizações criminosas foram presos. A corporação apreendeu também 19 armas e drogas.

Os presos e os materiais apreendidos estão sendo levados para a Delegacia de Timbaúba.


Fonte Coisas de Timbauba e Regiões


Proxima  → Página inicial