AGORA NO BLOG...

quarta-feira, 18 de outubro de 2017

Multas de trânsito poderão ser parceladas no cartão de crédito




Resolução do Contran libera pagamento com cartão de débito ou crédito, mas pode haver cobrança de juros das financeiras.

Marronzinho com radar pistola multa veículos em alta velocidade na Marginal Pinheiros (Foto: TV Globo/Reprodução)

O Conselho Nacional de Trânsito (Contran) publicou nesta quarta-feira (18) uma resolução quer permite o pagamento de multas de trânsito com cartões de débito ou crédito.

O valor poderá até ser parcelado, mas com a devida cobrança de juros pela entidade financeira do cartão, como quando as compras a prazo não são parceladas pela própria loja.

A resolução já está em vigor, mas cada órgão de trânsito ainda precisa habilitar as operadoras de cartões para oferecer o serviço, que não é obrigatório.


Alguns Detrans e prefeituras já fazem parcelamentos por meio de documentos de arrecadação, geralmente com pagamento do primeiro boleto da dívida na hora de assinar o termo de adesão.

De acordo com o diretor do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), Elmer Vicenzi, muitos proprietários faziam este tipo de parcelamento apenas para regularizar o veículo, obter o licenciamento ou a possibilidade de transferência, e depois não pagavam o restante das parcelas.

Com a nova regra, cada órgão de trânsito (Detrans, prefeituras, Polícia Rodoviária, Der e Dnit) poderá habilitar empresas financeiras para oferecer a alternativa de pagamento por cartão e quitar dívidas dos proprietários de veículos.

Como o parcelamento será totalmente entre a operadora do cartão e o proprietário, o órgão de trânsito continua recebendo o valor à vista e a regularização do veículo será imediata – não precisa esperar até a última parcela.
Anteriormente, somente multas aplicadas em veículos registrados no exterior poderiam ser arrecadadas com cartões de débito ou crédito.


Fonte G1 Pernambuco


Idosa é presa suspeita de liderar tráfico de drogas na Paraíba




Segundo a polícia, Maria Porfírio de Sousa, 77 anos, já cumpriu pena em 2005 também por tráfico de entorpecentes


pm-pb

Segundo as informações publicadas pelo Portal Correio da Paraíba, uma idosa, de 77 anos, foi presa, nesta terça-feira (17), no município de Juazeirinho, na região da Borborema, apontada como a principal traficante do município. A localidade, segundo a Polícia Civil, é considerada um centro de distribuição de drogas na região.

Maria Porfírio de Sousa já tinha sido presa em 2005 também por tráfico de entorpecentes e, conforme as investigações, ela recebia ordens de detentos de presídios de João Pessoa e Campina Grande, recebia as drogas em casa e comercializa para usuários, além de fornecer para outros pontos de distribuição. Em depoimento a Polícia, a idosa alegou não saber o motivo pelo qual estava sendo presa.

“Ela é um dos braços da facção criminosa, responsável pelo escoamento da droga. Soledade hoje é considerado um centro de distribuição de drogas, o recebimento destas drogas no município de Juazeirinho era através dessa senhora”, explicou o delegado Lamartine Lacerda. Ele revelou ainda que Maria Porfírio vendia maconha, cocaína e crack. Na casa da idosa, os policiais apreenderam telefones celulares, tablets e ainda extratos bancários, que serão estudados para saber qual o ganho financeiro de Maria Porfírio e dos demais envolvidos.

A prisão da idosa é resultado da ‘Operação Nêmesis’, realizada pelas Polícias Civil, Militar e Rodoviária Federal. Além da mulher, os policiais prenderam ainda outras 13 pessoas, realizou outras quatro prisões preventiva de detentos que estão em presídios de João Pessoa, Campina Grande, Soledade e Patos.

Segundo a Polícia, além de tráfico de drogas, os presos seriam responsáveis também por homicídios e estouro de caixas eletrônicos. As investigações apontaram que os assassinatos aconteciam quando as vítimas se negavam a participar da facção criminosa.

O delegado informou que todos foram identificados após a Operação Narcos, realizada em maio, quando sete pessoas foram presas. Eles seriam parte da mesma quadrilha e cumpririam a ordem de ações dos bandidos já retidos nos presídios PB1, em João Pessoa, Penitenciária Padrão Romero Nóbrega, em Patos, Penitenciária Raimundo Asfora, conhecida por presídio do 'Serrotão', em Campina Grande, e Cadeia Pública de Soledade.

“Diz respeito a uma organização criminosa, que foi alvo da Operação Narcos, e agora a gente conseguiu identificar mais alguns membros. O intuito é desarticular essa facção criminosa que vem acabando com a paz da cidade”, comentou o delegado.

Segundo o Coronel Pablo Cunha, da PM, houve apoio de policiais militares que moram em Soledade e repassaram informações. Ele explicou que são pessoas de alta periculosidade e que ameaçavam moradores da região.

“Eles expulsaram pessoas das comunidades, tiraram famílias inteiras, mataram crianças, adolescentes e familiares de moradores. Eles cometiam tráfico de drogas, homicídios, ameaça, invasão de domicilio, roubo, tortura, tudo que se imaginar de crimes com relação a entorpecentes eram cometidos por este pessoal”, afirmou.


Fonte Timbauba Agora


terça-feira, 17 de outubro de 2017

Superintendência do Banco do Brasil em Pernambuco sinaliza reabertura da Agência do Banco do Brasil de Macaparana.




Resultado de imagem para banco do brasil macaparana

Segundo a chefia do órgão no Estado nos próximos (30) dias estão previstas a reabertura das Agências de: MACAPARANA, Águas Belas, Venturosa, Itapetim, Mirandiba, Passira e Panelas.
Já foram reabertas nos últimos (30) dias as Agências de Bonito, Amarají, Feira Nova , Ibimirim e Orobó. Estamos confiantes de que logo em breve o Banco de Macaparana volte as suas atividades normais, pois é algo de suma importância pra região, frisou o parlamentar.

video



Facebook Leoncio Francisco



GT de Aliança captura foragido do sistema prisional






Policiais Militares de serviço da GT de ALIANÇA, ao realizar rondas nesta cidade, foram informados anonimamente via celular de que no distrito de Upatininga, na rua do Sol, perto do Campo, havia um elemento que estava foragido do sistema prisional, de imediato seguiram para averiguar tal informação e, ao chegar no endereço citado avistou o imputado IRANILDO JOSÉ DA SILVA, de 22 anos, conhecido por ( GORDINHO ) , foi feito de imediato uma abordagem nele não sendo encontrado nada, mas nos foi passado por ele próprio de que ele havia saído do presídio de canhotinho com a pulseira e não voltou mais.

 A cerca de um mês em que a pulseira estava na casa dele, seguiram até lá, onde foi localizado a pulseira, foi dado a voz de prisão a ele e o conduzido juntamente com o material apreendido para a delegacia local para serem tomadas as devidas providências. 

Onde nos foi passado que ele seria reconduzido para o presídio de Limoeiro para cumprir o resto da pena que lhe falta pelo crime de assalto a mão armada.  

Equipe que fez a prisão  GT Aliança TC: do 2ºBPM de Nazaré da Mata CMT do 2 BPM.



Fonte Coisas de Timbauba e regiões

Ministro do STF determina votação aberta na análise do afastamento de Aécio do Senado


Os senadores apreciarão no plenário se dão aval à decisão da Primeira Turma do STF nesta terça.

Se decisão for mantida, Aécio Neves será proibido de manter contato com outros investigados o caso e terá que entregar o passaporte. Foto: Flickr

A votação prevista para esta terça-feira, 17, para a análise da eventual revogação do afastamento do senador Aécio Neves do mandato parlamentar, deve ocorrer por meio de voto aberto, como determinado pelo ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF). O magitstrado concedeu uma liminar (decisão provisária) acolhendo um mandado de segurança, apresentado pelo senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP). 

Os senadores apreciarão no plenário se dão aval à decisão da Primeira Turma do STF nesta terça. Foi imposto, no dia 26 de setembro, o afastamento do mandato e o recolhimento domiciliar noturno do parlamentar tucano.

"Diante de todo o exposto, presentes os requisitos essenciais do fumus boni iuris e periculum in more, decreto a NÃO RECEPÇÃO do artigo 291, I, "c", da Resolução do Senado Federal 93, de 1970, e LIMINARMENTE, determino ao Presidento do Senado Federal a integral aplicação do § 2º, do artigo 53 da Constituição da República Federativa do Brasil, com a realização de votação aberta, ostensiva e nominal em relação as medidas cautelares aplicadas pela 1ª Turma do Supremo Tribunal Federal ao Senador da República Aécio Neves. Publique-se. Proceda-se imediatamente à intimação pessoal do Exmo. Sr. Presidente do Senado Federal. Na sequência, intimem-se as partes e a Procuradoria-Geral da República, para manifestação", declarou Alexandre de Moraes no despacho.
 
A votação está prevista para começar à tarde e deve se estender até o período da noite. Segundo a Secretaria-Geral do Senado, se a decisão da Primeira Turma do STF que impõs as medidas for derrubada, o senador poderá retornar imediatamente às atividades. Para que as restrições seja derrubadas, é preciso que a maioria absoluta do plenário, com quórum de pelo menos 41 senadores, vote contra a decisão. 

Porém, se a decisão for mantida, além de ser afastado do mandato e ter que se recolher à noite, Aécio Neves será proibido de manter contato com outros investigados o caso e terá que entregar o passaporte. 


Fonte Diario de Pernambuco

segunda-feira, 16 de outubro de 2017

Antônio Moraes destinará emenda para recuperação de sistema de abastecimento de Macaparana






Em pronunciamento no Pequeno Expediente, desta segunda (16), o deputado Antônio Moraes (PSDB) anunciou que direcionará recursos do Orçamento Estadual de 2018, via emenda parlamentar, para a recuperação do antigo sistema de abastecimento de água de Macaparana, na Mata Norte de Pernambuco. O parlamentar acredita que a intervenção seja necessária para evitar um futuro desabastecimento na região. 


Moraes ressaltou que a recente inauguração da Adutora do Siriji, na Mata Norte, vem garantindo a oferta de água para oito municípios da região. Mas o parlamentar avalia que o equipamento poderá ser muito demandado nos próximos meses, já que a Barragem de Jucazinho, que garante o abastecimento da região, está com seus reservatórios vazios. Segundo o deputado, a população do município já enfrentou falta d’água no último feriado.

moraes 2
“A Barragem do Jucazinho não juntou água nenhuma nos últimos meses. Desta forma, todo o abastecimento do Agreste e da Mata Norte poderá ficar dependente de Siriji”, disse. “Estou direcionando uma emenda parlamentar para a Compesa fazer a recuperação do antigo sistema que abastecia Macaparana e, assim, atravessarmos o verão sem dificuldades”, acrescentou.

Parabéns Deputado Antônio Moraes!



Fonte vozdoplanalto

PF cumpre mandados contra grupo que ostentava dinheiro roubado de bancos e Correios, na PB




Mandados foram cumpridos contra suspeitos presos pela Polícia Civil em João Pessoa. Um preso é paraibano e três são do Mato Grosso.


Polícia Federal cumpriu mandados na Paraíba contra suspeitos de roubar bancos que ostentavam dinheiro de assaltos (Foto: Divulgação/Polícia Federal)


A  Polícia Federal na Paraíba cumpriu nesta segunda-feira (16) em João Pessoa quatro mandados de prisão contra suspeitos de participarem do assalto a uma agência do Correios na cidade de Cabedelo, na Grande João Pessoa, em julho deste ano. Os suspeitos alvos dos mandados estão presos em presídios da capital paraibana após uma operação da Polícia Civil da Paraíba.


Conforme material divulgado pela Polícia Federal, os quatro suspeitos, um paraibano e três homens naturais do Mato Grosso, tiraram fotos ostentando os maços de dinheiro roubados de agências bancárias e dos Correios. Em uma das fotos, recolhidas pela PF após perícia no celular dos presos, um dos suspeitos varre notas de R$ 50 e R$ 100.


Somente o assalto registrado na agência dos Correios em Cabedelo, na madrugada do dia 8 de junho deste ano, rendeu à organização criminosa mais de R$ 9 mil, segundo levantamento da Polícia Federal. Os mandados de prisão preventiva foram expedidos pela 16ª Vara Federal na Paraíba e o grupo responderá por formação de quadrilha e furto qualificado.


De acordo com o delegado da Polícia Federal responsável pelo cumprimento dos mandados, Leonardo Paiva, outras prisões podem surgir, uma vez a investigação aponta para um esquema de atuação de criminosos do Mato Grosso que se revezavam em idas até a Paraíba com apoio de assaltantes paraibanos para ataques a instituições financeiras e agências dos Correios.


Os suspeitos do Mato Grosso vieram para a Paraíba com a intenção de realizar diversos crimes contra Correios e instituições bancárias, sendo que, ao se prepararem para realizar uma ação contra o Banco do Brasil, foram impedidos pela Delegacia de Combate a Crimes Contra o Patrimônio, unidade da Polícia Civil, em João Pessoa.


A partir desta prisão, a Polícia Civil começou a trocar informações com a Polícia Federal, permitindo a identificação do grupo como responsável pelo assalto à agência dos correios. Ainda conforme informações da Polícia Federal, os suspeitos estão sendo ouvidos nesta segunda-feira e existe a possibilidade de mais pessoas naturais do Mato Grosso envolvidas com a quadrilha.



Fonte G1 Pernambuco



Proxima  → Página inicial