AS NOTÍCIAS E IMAGENS MAIS IMPORTANTES...

quinta-feira, 18 de setembro de 2014

VEM AI: Bloco Rolo na Folia 2014





Dia 21 de Setembro a partir das 16 horas com saída e concentração  da banda Echosamba em frente ao Macaparana Club com as bandas Mamelucos  arrastando todos pelas principais ruas da cidade,  camisa já a venda   procurar Zezinho do bolo no bairro da Alvorada informações  ligue 9982-4701 adquira já a sua.








| Nenhum comentário

Quatro pessoas morrerm carbonizadas em acidente na BR-101, em Goiana


acidente_goiana_


Um veículo pegou fogo após uma colisão, na manhã desta quinta-feira (18), no KM 112 da BR-101, na divisa dos estados de Pernambuco e Paraíba. O sentido Recife-João Pessoa da rodovia está interditado.


De acordo com informações da Polícia Rodoviária Federal uma Kombi teria colidido em um caminhão e em seguida teve inicio as chamas no veículo. Quatro pessoas que estavam na Kombi morreram carbonizadas. As vítimas ainda não foram identificadas.



acidente_goiana


G.M.N

| Nenhum comentário

quarta-feira, 17 de setembro de 2014

Mãe Procura Filho que Foi Levado Dela a Quase 40 Anos do Distrito de Poço Comprido






Esse menino (Foto Acima) foi tirado de sua mãe quando tinha 3 anos o garoto foi levado pelo o pai e desde então sua mãe nunca mais o viu, hoje ele deve estar com mais ou menos 34 anos. O casal da foto são padrinhos da criança  na época o pai o levou de casa deles possivelmente para a cidade de Serrinha ou Itambé, o nome do menino é JORGE MARINHO DA SILVA essa é a única foto que a família tem como lembrança do menino.

O nome da mãe do menino é MARIA DAS NEVES CORDEIRO e o pai é JOSÉ MARINHO DOS SANTOS, na época eles moravam no Recife no Bairro do Pina mas a família do pai do menino era de Serrinha ou Itambé, por isso a suspeita do pai ter ido embora com o menino para uma dessas cidades, quando o menino foi tirado de sua mãe eles estavam em Poço comprido porque a mãe do menino Jorge é de lá.


Qualquer informação entre em contato pelo nosso e-mail macaparanahoje@live.com.


| Nenhum comentário

terça-feira, 16 de setembro de 2014

Desfile Cívico 2014 em Machados







No dia 14 de setembro de 2014 foi realizado um dos maiores e brilhantes Desfile Cívicos, em comemoração a nossa Independência. Depois de alguns anos sem que o mesmo acontecesse.


Após a concentração  em frente ao ginásio de Esportes Alfredo Neto, o desfile percorreu algumas ruas da cidade. As escolas  públicas , particulares, estadual, o Tiro de Guerra, da cidade de Limoeiro e algumas Bandas Fanfarras, convidadas de outros municípios participaram desse  emocionante e esplêndido evento.


O prefeito, Senhor Argemiro Pimentel e sua esposa, Tereza Pimentel;  o  Vice Prefeito Juarez Rodrigues juntamente com sua esposa Adriana; vereadores: Neto Baihe , Rogério do Bar, Silvio Borba e Secretários Municipais,  também participaram desta festividade.  13 escolas ,  Grupo de Idosos  Alegria de Viver,  crianças e adolescentes  atendida pelo Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos, representando a Secretaria de Assistência Social.



Este ano, algumas  escolas trouxeram suas próprias bandas, o que não aconteceu nos anos anteriores.















VEJA MAIS FOTOS AQUI

| Nenhum comentário

Casal gay é aplaudido em fórum de Livramento




O casal Solange Ramires e Sabriny Benitez - pivô da polêmica sobre casamento gay no CTG Sentinelas do Planalto - foi recebido de pé na tarde deste sábado na cerimônia em Santana do Livramento. As jovens foram muito aplaudidas quando entraram no fórum do município da Fronteira Oeste. Emocionadas, elas receberam os parabéns dos convidados.


• De prenda, juíza chega a fórum para casamento coletivo• "Problema ocorre em todo Brasil", diz ministra sobre homofobia• Noiva chega de charrete para casamento coletivo


Por volta das 16h30min, a juíza Carine Labres deu início a cerimônia do casamento coletivo que vai unir 29 casais. A magistrada parafraseou o cantor Raul Seixas: "Sonho que se sonha só é só um sonho que se sonha só. Sonho que se sonha junto é a realidade", disse. 



Um grande aparato policial foi montado e apenas os noivos e familiares têm acesso à rua Barão do Triunfo, onde fica o fórum, que foi especialmente decorado para o casamento coletivo. As cadeiras e o altar onde será presidida a cerimônia ganharam as cores da bandeira do Rio Grande do Sul. Uma bandeira que representa o movimento de Lésbicas, Gays, Bissexuais e Transgêneros (LGBT) foi estendida na mesa onde os noivos trocarão alianças.

 
A cerimônia iria ocorrer no Centro de Tradições Gaúchas (CTG) Sentinelas do Planalto, mas o local foi incendiado nessa quinta-feira. O sinistro, supostamente criminoso, teria sido causado por conta da união homoafetiva entre duas mulheres da cidade. Apesar das tentativas de reparar a área queimada do CTG, os bombeiros analisaram o local e descartaram a possibilidade de garantir a segurança para a realização do casamento coletivo.



| Nenhum comentário

Bloco do Loré ano II Mas um Sucesso de Público




Na tarde dessa domingo 14/09 foi realizado o segundo ano do bloco do loré com realização do Vereador Galego Cara Branca, bloco esse que teve seu primeiro ano em 2013 e sucesso de publico, nesse ano a banda bicho do mato comandando a festa e agitando a todos ali presente, mas um fato inesperado fez com que o bloco ficasse fixo em um só lugar, pois  quase no mesmo instante da hora do bloco teria desfiles cívicos pelas ruas onde seria o percurso por tanto o trio guinness não pode se
locomover do local, no vídeo a baixo galego cara branca desabafa falando sobre esse fato inesperado onde ele diz que ao enviar o oficio a prefeitura de São Vicente Férrer no dia 3 de julho mas de 60 dias antes da realização do bloco, falou também que o prefeito teve esse tempo todo para concentrar o desfile cívico em outras datas assim não atrapalhando ambos ... Veja  o vídeo do Vereador Galego Cara Branca  e entenda o caso.




ALGUMAS FOTOS










VEJAS TODAS AS FOTOS   ---> AQUI
| Nenhum comentário

Análise: Novos smartphones da BLU ameaçam Moto E e Moto G




Desde a chegada do Moto G, começou uma corrida para tentar oferecer no Brasil um aparelho que consiga competir em especificações e em preço com o intermediário da Motorola. A nova tentativa a tentar roubar este mercado é uma novata no mercado nacional e se chama BLU Products, uma empresa americana fabricante de smartphones, que tenta se infiltrar no país.



A empresa está lançando dois aparelhos que tentam competir em faixa de preço por aqui: um deles é mais básico, chamado Studio C Mini, e o outro, um pouco mais avançado, se chama Studio C HD. Mantendo a linha de comparação com a Motorola, seriam o Moto E e o Moto G da BLU, respectivamente. O primeiro é oferecido a US$ 120 nos EUA e deve ser comercializado por aqui a R$ 550, enquanto o segundo custa US$ 150 no exterior, mas ainda não tem preço definido no Brasil. Dificilmente ele deve superar os R$ 800, porém.


Olhar Digital teve a oportunidade de testar ambos. Veja abaixo o que achamos:


Reprodução
Ao tirar os dois aparelhos da BLU da caixa, é possível perceber duas coisas: a primeira é que as aspirações da empresa são altas, reproduzindo as caixinha de plástico do iPhone; a segunda é que a aposta é alta em cores fortes (para não dizer berrantes) para se diferenciar da concorrência. Oferecer celulares coloridos é cada vez mais comum lá fora, com destaque para a Nokia e seus celulares amarelos, mas por aqui isso ainda é uma novidade.



ReproduçãoNo entanto, a BLU pegou um pouco pesado na cor do Studio C Mini. Embora haja outras cores diferentes, o aparelho que recebemos na redação é tão gritante que chega a doer os olhos, literalmente. provavelmente não faz jus ao quão forte a cor do aparelho realmente é. Olhar para ele por algum tempo causou dor de cabeça nos membros da redação, e não estamos brincando.


A situação só foi amenizada pelo fato de que os dois aparelhos já saem da caixa com uma capinha de silicone perfeitamente ajustada ao aparelho, com uma cor compatível. Ponto positivo para a empresa, que sabe o quão difícil é achar acessórios para um aparelho incomum no Brasil. A capinha também filtra um pouco do laranja agressivo na traseira do Studio C Mini, então acabou se tornando um item de primeira necessidade ao testar o produto.


Continuando em visual, ambos os aparelhos são bem construídos, com uma carcaça de plástico removível confortável e agradável ao toque. Neste sentido, ambos não deixam a desejar em nada ao Moto G e para outros aparelhos mais caros. O único problema visual é a agressão visual que é o laranja do C Mini.


Câmera


Aqui é possível apontar uma pequena vantagem do Studio C Mini em relação a concorrentes: o aparelho, embora não tenha uma câmera de encher os olhos, tem flash traseiro e um sensor frontal, algo que fica faltando no Moto E, por exemplo, e no Lumia 530. Com isso, é possível fazer videoconferências, além de, claro, permitir as tão famosas “selfies”. Inclusive, ele desempenhou bem esta função em nossos testes.


Os dois aparelhos são muito parecidos em relação às suas câmeras, com a diferença que o menor é capaz de fazer fotos em 5 megapixels e o maior possui um sensor de 8 megapixels; ambas as câmeras frontais são de 2 MP. Eles também são capazes de fazer vídeos em Ful HD.


Os dois aparelhos possuem HDR, o que não é muito comum na faixa de preço, e contam com um recurso chamado “Modo de beleza facial” que tenta remover espinhas e outras imperfeições da pele do usuário na foto. Nos nossos testes, no entanto, o resultado ficou um pouco assustador e a pele acabou ficou parecendo a de um boneco de plástico. Imperfeições demais, talvez? Sim, os membros da redação não são os mais lindos do mundo, é verdade, mas o resultado ficou um pouco estranho demais. Não recomendamos.

Tela


Reprodução
Estamos fazendo muitos paralelos com a Motorola e aqui vai mais um (prometemos que é o último). Quando foi apresentado o Moto G, o grande diferencial do aparelho, segundo a própria empresa, era ter uma tela grande com uma resolução boa a um preço aceitável. A receita foi claramente aplicada também pela BLU em seus aparelhos. Tanto o Studio C Mini quanto o HD se esforçam para oferecer um display grande e com uma resolução compatível com seu preço.


O primeiro é um pouco mais modesto. As 4,7 polegadas do display concentram uma resolução de 800x480, ou uma densidade de 200 pixels por polegada. Não é nada incrível, mas é compatível com o que o mercado oferece por essa faixa de preço. Com esta resolução, ao aproximar os olhos é possível perceber claramente os pixels na tela, sinal de que a configuração poderia ser um pouco mais ajustada, talvez com um display um pouco menor. Já o Studio C HD leva a sério o nome com uma resolução de 720p comprimida em uma tela de 5 polegadas que já oferece uma experiência visual superior, com uma densidade de 294 pixels por polegada.



A diferença é bem perceptível quando se coloca um do lado do outro, mas claro que é injusto fazer a comparação entre dois modelos com preços distintos. O que podemos dizer é que nenhum deles deixa a desejar aos concorrentes de suas respectivas faixas de custo. Ambos possuem telas chamativas, brilhantes, embora pequem um pouco em contraste.

Desempenho


A BLU acerta muito aqui ao vender o aparelho já com o Android KitKat e com pouquíssimas modificações em relação à versão pura do sistema operacional. Algumas mudanças incluem itens novos na janela de configuração, como o bloqueio de rotação da tela, e alguns aplicativos como gravador de som e uma agenda de afazeres.


Isso é muito bom porque, como já ficou provado muitas vezes no passado, as modificações que muitos fabricantes fazem consomem bastante processamento, que poderia ser aplicado em uma experiência melhor de uso. Basta lembrar do peso que tem uma TouchWiz, da Samsung, e como isso consome o poder do celular.
O fato de usar um sistema mais puro ajuda os aparelhos da BLU a disfarçar um pouco o fato de que a empresa usa processadores MediaTek, reconhecidamente mais baratos do que os Snapdragon da Qualcomm, com desempenho relativamente inferior também. Ambos usam o mesmo modelo de chip: um MediaTek MT6582 com quatro núcleos operando num clock de 1,3 GHz; a diferença fica na memória RAM, com o Studio C HD tendo 1 GB, enquanto o C Mini tem apenas 512 MB. Isso significa que o HD deve permitir um gerenciamento melhor do multitarefa, ao menos.


O resultado é que ambos oferecem desempenho muito parecido, que foi bem fluido nos nossos testes, mas obviamente nada comparável aos tops de linha. O teste do AnTuTu mostra que há pouca diferença no geral em relação ao Moto G, pecando, porém, na renderização de gráficos em 3D, o que pode ser um problema em jogos mais rebuscados.


Conclusão


Se o objetivo da BLU é lançar concorrentes à altura do Moto G, a empresa está no caminho certo, com dois produtos que parecem até mais elegantes (apesar da cor absurda do Studio C Mini que recebemos) do que a alternativa da Motorola, embora deixem a desejar um pouco em relação a desempenho.


Complementando algumas informações mais gerais sobre os aparelhos: eles têm 4 GB de armazenamento interno, então ainda bem que a empresa disponibilizou slot para cartão MicroSD de até 64 GB. Eles também tem suporte a dois chips SIM, rádio FM, mas não suportam a rede 4G nacional.

| Nenhum comentário

Em Abreu e Lima, comitê de Armando é alvo de atendado e é parcialmente destruído por incêndio

Segundo a assessoria, Por volta das 3h30, quatro pessoas desceram de um carro branco e jogaram coquetéis molotov dentro da estrutura, incendiando parcialmente o local.



Um dia antes da passagem da coligação Pernambuco Vai Mais Longe por Abreu e Lima, que tem como candidato ao governo Armando Monteiro (PTB), a vice Paulo Rubem Santiago (PDT) e ao Senado João Paulo (PT), o comitê de campanha no município foi alvo de um atendado criminoso na madrugada desta segunda-feira (15). Por volta das 3h30, quatro pessoas desceram de um carro branco e jogaram coquetéis molotov dentro da estrutura, incendiando parcialmente o local. A placa e o modelo do veículo não foram anotados. A ação destruiu materiais da coligação. Por sorte, o vigia que fazia a segurança do prédio no momento não se feriu.


O incêndio criminoso gerou um prejuízo financeiro de mais de R$ 10 mil. Isso porque a apuração inicial apontou que 72 placas foram completamente destruídas por conta das chamas. O fogo também consumiu parte dos banners, bandeiras e folders que estavam armazenados do lado de fora das salas do comitê e seriam distribuídos no ato desta terça-feira (16), com Armando. A violência foi tamanha que as chamas atingiram parte do teto do comitê.

A estrutura de campanha de Armando e João Paulo (PT), candidato a senador, fica ao lado do comitê do candidato a deputado estadual Yves Ribeiro (PSB), da coligação Frente Popular, que não sofreu qualquer ataque criminoso. O comitê da coligação Pernambuco Vai Mais Longe em Abreu e Lima fica na BR-101, nº 1.731, no bairro da Matinha. O caso foi registrado na Delegacia de Abreu e Lima e está sendo investigado pelo delegado Alberes Félix.

O comitê em Abreu e Lima abriga diversos materiais de campanha, como bandeiras com bases fixas, placas, banners, folders de Armando e João Paulo. O local não possui câmeras de segurança.













OUTROS CASOS – Esse não foi o primeiro atentado sofrido pela coligação Pernambuco Vai Mais Longe nesta eleição. Em menos de 15 dias, um dos comitês, na Avenida Conselheiro Rosa e Silva, no bairro dos Aflitos, no Recife, foi alvo da ação de vândalos. Três balões de propaganda de Armando Monteiro e João Paulo foram furados a tiros disparados por um desconhecido na madrugada do último dia 10. No dia 30 de agosto, dois balões e uma placa também foram danificados. Em ambos os casos, a coligação prestou queixa à polícia.


Há relatos de balões furados em bairros como Boa Viagem, Pina, Setúbal, Piedade, Candeias e Barra de Jangada. A coligação Pernambuco Vai Mais Longe informa que acredita nas autoridades e que espera que os envolvidos nos episódios de depredação sejam identificados e punidos.


Timbaúba Agora

| Nenhum comentário

segunda-feira, 15 de setembro de 2014

Presidente da Câmara Jr Solicita ao governo do Estado Restauração da PE-89



Na seção de hoje na Câmara Municipal, Jr apresentou  um requerimento de sua autoria, solicitando ao Governado do Estado, com cópia para o Departamento de Estradas e Rodagens, que seja tomada as devidas providências no sentido de que seja refeita a restauração ou ao menos seja tapado os buracos da PE-89, que foi restaurada a alguns meses, más já se encontra tomada pelos buracos. Em minha justificativa, afirmei que a PE-89 ficou conhecida como "PE da Morte" e que sua restauração, foi tema de vários requerimentos nas Câmaras Municipais da região, inclusive na Assembléia Legislativa do Estado, foram anos de abandono da Rodovia por parte do Governo e quando finalmente o serviço foi realizado, podemos observar nitidamente a má qualidade da obra.

| Nenhum comentário

Festa da Banana em Machados Sucesso de Público com Amado Batista



Foi realizado mais uma festa da banana em Machados e como sempre um sucesso de público, a festa foi comemorada nus dias 13 e 14 de setembro no pátio do mercado público o público foi curti a festa com muita animação e alegria.


No Sábado  dia 13/09  as atrações ficaram por conta de Geraldinho Lins, Fórro das Onze, Forrozim Arregado.
Já no Domingo dia 14/09 o público  lotaram o pátio de eventos da cidade de Machados para curti o som de Amado Batista, onde não deixou a desejar o público se emocionaram com as canções do cantor romântico  na mesma noite também teve apresentações do anjos do Fórro, MC Moá e Jach Chan finalizando assim a noite de apresentações da festa da banana com organização da prefeitura de Machados prefeito Argemiro Pimentel.



ATRAÇÕES DIA 13 (SÁBADO)





ATRAÇÕES DIA 14 (DOMINGO)









MC MOA E JACH CHAN












| Nenhum comentário

No Paraná tio matou e arrancou os seios da sobrinha e jogou no rio



Na manhã deste último sábado (13) o homem identificado como Agrevil do Carmo Santos de 50 anos contou como matou a sobrinha Janaína de Fátima Matos de 21 anos em Cerro Azul (86 km da capital Curitiba). Segundo informações, a jovem morava na casa dele há quatro anos para trabalhar e estudar. Ele morava com a esposa e dois filhos. Os pais da garota moram na localidade de Ribeirão do Veado (12 km de Cerro Azul). Na semana passada a garota anunciou que iria se mudar para a casa do noivo em Rio Branco do Sul-PR. De acordo com a Polícia Civil o homem tinha um ciúme doentio pela sobrinha e ficou inconformado com a saída dela de casa. “Eu não queria que ela fosse embora, ela era uma boa companhia” relatou Agrevil. Por esse motivo ele cometeu o crime.


 

O tio detalhou o assassinato e demonstrou frieza ao relatar o passo a passo. Ele contou que esperou a jovem almoçar em casa e quando ela iria levar roupas na lavanderia foi golpeada no pescoço. “Fiz porque gostava muito dela” disse o assassino. Segundo a polícia, ele tentou simular um assalto, queria que parecesse um latrocínio deixando três notas de R$ 50,00 reais próximas ao corpo e pegando o celular da garota. Depois do crime, ele cortou os seios dela e foi arremessá-los no rio juntamente com o celular. “Joguei os dois seis no rio junto com o celular dela, os seios dela eram bonitos”, disse. Frio, o tio acompanhou todo o trabalho da equipe de perícia e do Instituto Médico Legal (IML). De acordo com o investigador Rodrigo Augusto, no velório da vítima ele servia café para as pessoas, chorou com o noivo e chegou a pedir para a polícia que prendessem quem teria feito isso com ela. Uma multidão em frente à delegacia aguarda a transferência de Agrevil ao Centro de Triagem (CT) da Penitenciária de Piraquara-PR. “Não sei por que eu fiz isso, me deu um apagão, estou arrependido, acabei com a minha vida, quero pedir perdão para a família dela, mas sei que eles nunca vão me perdoar”concluiu Agrevil. 




Plantão Policial
| Nenhum comentário

Eleições: Confira as propostas dos candidatos à Presidência para educação

Educação é um dos temas que mais reúne propostas entre os programas dos candidatos à Presidência da República entregues à Justiça Eleitoral. As principais promessas são de melhoria da qualidade do ensino, ampliação de investimentos na área e implantação do sistema integral nas escolas brasileiras.





Confira as propostas dos candidatos à Presidência para educação:


Aécio Neves (PSDB) defende a universalização da educação básica, dos 4 aos 17 anos, e promete criar incentivos para melhorar a formação, a carreira e a remuneração dos professores. O candidato tucano defende a vinculação das remunerações de professores à melhoria da aprendizagem dos alunos, com salário inicial atrativo e a coordenação de uma política nacional de formação de professores, com instituições formadoras públicas e privadas e secretarias municipais e estaduais de educação. Aécio quer implantar a escola de tempo integral e eliminar progressivamente o ensino noturno para jovens que não trabalham. Ele promete apoiar a modernização dos equipamentos escolares, incluindo a instalação de bibliotecas e laboratórios, computadores e acesso a internet e adequação térmica dos ambientes. Outras propostas do candidato incluem o aprimoramento do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e o compromisso de destinar 10% do Produto Interno Bruto (PIB) para a área, sendo 7% ate 2019.


Dilma Rousseff (PT) promete, em um eventual segundo mandato, um governo focado na transformação da qualidade do ensino. Dilma destaca, no programa de governo entregue à Justiça Eleitoral, a decisão de destinar recursos originários da exploração do petróleo, no pré e no pós-sal, para as ações nessa área e disse que o orçamento da educação “teve considerável aumento em doze anos”. Segundo ela, a soma dessas duas fontes vai permitir a implantação do Plano Nacional de Educação (PNE). A candidata também destaca a ampliação de creches e a qualificação da rede de educação integral para que atinja até 20% da rede pública até 2018. Dilma ainda garante que vai conceder, até 2018, mais 100 mil bolsas do Ciência sem Fronteiras e fazer uma mudança curricular e na gestão das escolas e criar mecanismos de valorização dos professores.
Eduardo Jorge (PV) se compromete a buscar mais recursos para as políticas públicas de saúde e educação. As duas áreas, segundo ele, terão prioridade no remanejamento dos recursos previstos no orçamento a partir de uma reforma tributária e cortes de gastos. O ambientalista promete criar carreira nacional para professores, começando pelo ensino fundamental, e definir um piso nacional que pode ter adicionais municipais, estaduais ou federal. Eduardo Jorge ainda promete realizar concursos para valorizar profissionais de educação e rever o currículo do ensino fundamental. Segundo ele, além dos conteúdos tradicionais, serão incluídas disciplinas que tratam da formação de valores do trabalho, da solidariedade, do respeito à diversidade, a observação da natureza e a música.


Eymael (PSDC) disse que vai dar prioridade à educação. Entre as promessas estão investimentos para que o ensino fundamental do país se enquadre nas recomendações da Organização das Nações Unidas e a defesa da educação inclusiva. Eymael também promete informatizar as escolas, promover o ensino integral e ampliar a oferta de cursos técnicos e profissionalizantes. Para o candidato, o currículo do ensino fundamental tem que incluir a disciplina Educação Moral e Cívica. A valorização das carreiras de profissionais de educação e o incentivo à municipalização do ensino também estão no programa de Eymael.


Levy Fidelix (PRTB) afirmou que vai implantar a informatização nas escolas, desde a alfabetização ao ensino médio, com internet de banda larga em todos os municípios. Fidelix ainda promete alimentação de qualidade para os alunos e reestruturação de cargos e salários dos professores.
Luciana Genro (PSOL) propôs uma ampliação gradual dos investimentos públicos, “coibindo o repasse para as instituições privadas de modo a universalizar o acesso a todos os níveis de educação de forma gratuita através de instituições públicas”. A candidata ainda garante que vai ampliar “radicalmente” os investimentos públicos em saúde e educação.


Marina Silva (PSB) defende uma educação de qualidade, promete refundar a educação pública a partir de critérios de efetiva equidade social e promover mudanças curriculares, de metodologia e de organização e formato das escolas. A ex-senadora afirmou que vai garantir as condições para o combate ao analfabetismo nos próximos anos e avançar na superação do analfabetismo funcional, estabelecendo a meta de reduzi-lo drasticamente em quatro anos. Entre as propostas da candidata ainda estão a transformação do Programa Mais Educação em política de Estado de educação integral para toda a educação básica, investimento na infraestrutura das escolas e na construção de novas unidades e parcerias com as universidades federais para formação contínua dos profissionais que atuam na educação integral. Para Marina, também é preciso incentivar novas metodologias de aprendizagem com uso de tecnologias e garantir que valores como o diálogo, a justiça social, o respeito à diversidade, a democracia, a participação em questões socioambientais e os esportes estejam presentes nos currículos.


Mauro Iasi (PCB) diz que vai priorizar a educação pública, gratuita e de qualidade em todos os níveis. Segundo ele, as recentes decisões políticas sucatearam o sistema educacional. Iasi defende a “desmercantilização” imediata do setor, assim como o de áreas como a saúde, a moradia, os transportes “que devem se tornar imediatamente públicos através de processos de estatização com controle popular”.
Pastor Everaldo (PSC) defende uma reforma na educação pautada na descentralização da gestão, mais participação de agentes privados e melhorias das disciplinas matemática e português. O candidato também defende a participação das famílias nas escolas e a expansão do programa Universidade para Todos (Prouni) para o ensino médio, fundamental e infantil como forma de incentivar a inserção de alunos na rede privada. Segundo ele, isso possibilitará que estudantes carentes possam ter acesso ao mesmo ensino de qualidade dos brasileiro com melhores condições financeiras.


Rui Costa Pimenta (PCO) quer priorizar o ensino público, gratuito, laico e de qualidade para todos, em todos os níveis. O candidato defende a estatização das escolas privadas e o fim da municipalização do ensino. Pimenta quer garantir a autonomia escolar tanto na questão educacional quanto na área política e administrativa e colocar as escolas sob o controle da comunidade. O comunista ainda promete reabrir todas as escolas e salas de aulas fechadas, acabar com a “aprovação automática”, reduzir o número de alunos por sala e fixar um piso salarial que atenda às necessidades do professor e de sua família “que hoje não poderia ser de menos de R$ 5 mil”.


Zé Maria (PSTU) quer garantir os 10% do PIB para a educação. O candidato lembra em seu programa de governo que as melhorias nessa área estavam entre as principais reivindicações dos brasileiros que se juntaram às manifestações em junho do ano passado. “Lutamos por 10% do PIB para a educação já , e não em dez anos como prevê o Plano Nacional de Educação do governo”, destaca.




Blog do Anderson Pereira

| Nenhum comentário

domingo, 14 de setembro de 2014

Segundo Comício de Antônio Moraes Arrasta Multidões




Segundo comício do candidato a reeleição a Deputado Estadual Antônio Moraes na cidade de Macaparana, nesse dia 13/09 onde fez um mês que o ex-governando e candidato a presidente Eduardo Campos Faleceu, o comício teve uma caminhada com saída do comitê  com destino ao local do comício no popular beco do quiabo, durante a caminhada até o destino do comício carros da oposição tentaram atrapalhar o trajeto mas não conseguiram, pois o pessoal humilde não deram a minima seguindo até o destino e mostrando que na humildade tudo vencer e cada dia que se passa o favoritismo aumenta.
 
















Fotos Cedidas Por Leôncio Francisco










| Nenhum comentário
Copyright © 2013. MACAPARANA HOJE